31 janeiro 2007

Os meus heróis da BD - 6

Dan Cooper

Albert Weinberg nasceu em Liège em 9 de Abril de 1922. Cenarista no seu início, ele entrou em 1950 no Semanário "Tintin" onde desenha inúmeras histórias completas que constituirão um trampolim para o Triângulo Azul, um jacto pilotado por um jovem aviador canadiano Dan Cooper.

Albert Weinberg

Estávamos em 1954 e Albert Weinberg acabava de dar vida ao seu personagem que surge em mais de 2000 desenhos distribuídos em 41 álbuns. Traduzidos em várias línguas com tiragens de milhões de exemplares, as aventuras supersónicas do Major Cooper levaram o canadiano aos quatro cantos do mundo… tal como o seu criador.

A maior satisfação de Albert Weinberg é saber que Dan Cooper, é considerado pelos pilotos canadianos como um dos seus e ocupa um lugar de honra do Museu do Ar de Emonton, o célebre Hall of Fame do Canadá.

"SOS no espaço" foi editado pela Bertrand em Janeiro de 1972

Cabo Kennedy responde a "Cessna 180" ... Q.D.M. 213...Q.D.M. 213...

Dan Cooper
.
.
Regresso a Patrick Air Base
.

Flutuando no espaço junto do "ovo" estranho.
.

A Cápsula Gemini entra em órbita

.

Nick e Rita Dereika


Os "104" sobrevoam Peer


Dan Cooper em acção
.

Um "magistral tonneau lateral"!


Por baixo da ponte!...

Para os "tigres" chegou a hora de intervir...

O "rugido" dos Tigres...

Uma "missão" cumprida.

30 janeiro 2007

Setubalense - 1948 - 4ºtrimestre

02-10-1948
Museu Oceanográfico
Visitam brevemente o museu oceanográfico de que é proprietário e director o nosso amigo, sr.Luís Gonzaga do Nascimento, os ilustres catedráticos espanhóis D. Juan Poiz-Monserrat, D. Juan Artells-Morell e D. Juan Llobet-Orts.


02-10-1948
Liceu Bocage
A inauguração do Ano Lectivo, no Liceu de Setúbal.
Presidiu à sessão solene realizada, S.Exª o Sr. Governador Civil, secretariado pelos srs. Governador Militar e Vice-Presidente da Câmara...

Discursou o ilustre Reitor do Liceu, sr. Dr. António Manuel Gamito.
Depois foram distribuídos os prémios Bocage, ao aluno António Augusto Macedo, do 6ºano e o da "Liga dos Amigos do Liceu" à aluna Maria Luísa dos Santos Pinto.
Após este acto, o ilustre Chefe do Distrito fez entrega de 35 diplomas a outros tantos alunos por terem tido média de 14 valores para cima. Antes da sessão e após esta, o Orfeão do Liceu cantou os Hinos da Mocidade e Nacional.
No final da solenidade o sr. Dr. Francisco Figueira noticiou a inauguração do novo Liceu dentro da época escolar de 1948/49.


09-10-1948
Liceu Bocage
Mendonça e Costa
Tivemos o prazer de cumprimentar no nosso jornal, o distinto professor
sr. Mendonça e Costa, nomeado para fazer parte do Corpo Docente do Liceu Nacional de Setúbal.


13-10-1948
Liceu Bocage
Anúncio – Casa
Precisa, higiénica e ampla, na cidade ou na periferia,
o professor do Liceu, Mendonça e Costa.


23-10-1948
Liceu Bocage Escolas
...Já o Liceu, situado no mesmo ponto que a Escola, fica longe, mas enfim "quando existirem meios de transporte", a cousa passa, mas até lá, muito se há-de aborrecer a mocidade escolar nos dias de verdadeiro temporal que costuma fazer.


01-11-1948
Porto 6Vitória 1
"Apesar do resultado avantajado, os Setubalenses não foram inferiores..."


01-11-1948
Mocidade Portuguesa
Por ter pedido a demissão do cargo de Sub-Delegado da Mocidade Portuguesa, em Setúbal, o sr. José Valido Santana, deverá substitui-lo o sr. Dr.Rogério Claro.



10-11-1948
Politica
"As brigadas do sr. Silva Pais"
Encontram-se em Setúbal, as brigadas do Capitão sr. Silva Pais. Dizem-nos que têm actuado em toda a cidade. Oficialmente não temos conhecimento de cousa alguma. E, nestes casos, não há nada como esperarmos notas oficiosas que ponham o público a par do que se passa e da possível verdade que possa surgir. (Estas brigadas seriam da Intendência Geral dos Abastecimentos... ou seria uma alusão às "Brigadas do sr. Silva Pais" da Pide?)



13-11-1948
Política
Na coluna “A cidade” (A Abrir)
"Prendam o "sr."Corvo" que se introduziu em casa alheia e furtou uma carteira com dinheiro”. (Um título “arriscado” para a época pois devia tratar-se de uma alusão a um indivíduo chamado Corvo, que era agente da Pide, em Setúbal)



13-11-1948
Manuel dos Prazeres Teixeira
Tomou posse do lugar de Aspirante do quadro do Comando Geral da Polícia e colocado no Comando da PSP, em Setúbal...



15-11-1948
A crise de trabalho e a Câmara. (notícia destacada)
Depois de alguns dias que pareciam animar a cidade, com o aparecimento de peixe, continuamos a sentir os efeitos de uma crise bastante acentuada na indústria conserveira e vida doméstica, sem matéria prima para a primeira e peixe suficiente para o abastecimento público, atingindo, o que aparece no mercado, preços fabulosos e incomportáveis. Felizmente que a nossa Câmara Municipal, para minorar a situação bastante difícil de algumas famílias abriu numerosas obras públicas, onde felizmente se empregam, às centenas, os trabalhadores e operários da construção civil. É ver a azáfama que vai por essa cidade, onde presentemente estão em execução as seguintes obras:
Abertura da Avenida de acesso ao Liceu,
Pavimentação do Bairro Económico,
Abastecimento de água à cidade,
Construção da rede de esgotos,
Construção dos depósitos de água, os maiores
Construção de 80 moradias do Bairro Carmona
.
Foi, sem dúvida, uma medida de grande alcance social, esta da Câmara, não havendo na cidade crise na construção civil.


20-11-1948
Novo Médico
...concluiu a sua formatura na Escola Médica de Lisboa, o sr. Dr. João Maria da Silva Duarte, há muitos anos residente em Setúbal.


27-11-1948
Domingos Tavares Roque
Vítima de um sério desastre tem estado em Lisboa, em tratamento.


27-11-1948
Liceu Bocage
Ministério das Obras Públicas
Concurso público para arrematação da empreitada de arranjos exteriores, do Liceu de Setúbal.
Base de licitação 397.166,00
Depósito provisório 9.930,00

Lisboa, 22 de Novembro de 1948
O Eng. Administrador Delegado
José de Lencastre e Távora


02-12-1948
Cargos públicos
Era Presidente da C.M.S. – Miguel Rodrigues Bastos
Era Sub-Delegado do INTP – Dr. Fausto Ferraz
Era Comandante da GNR e da LP – Cap. Freitas
Era Repres.do Comando da PSP – Ten. Francisco Castro Lobo
Era Reitor do Liceu – Dr. Manuel Gamito
Era Director da Escola Técnica – Eng. Armando Medeiros
Era Sub-Delegado da M.P. – Rogério Peres Claro
Era Sub-Delegada da M.P. – Josefina Gamito


13-12-1948
Santa Casa da Misericórdia
Foram eleitos os Corpos Gerentes para o triénio de 1949/51.

Assembleia-geral
Presidente – Dr. Luís Teixeira de Macedo e Castro
1ºSecretár – Carlos Homem de Figueiredo
2ºSecretár – Fernando Galope dos Reis


Mesa Administrativa
Provedor – Ten. Cor. Jorge Carlos Costa
Secretário – Cap. José de Almeida Cassar
Tesoureiro – António José de Morais Júnior


13-12-1948
Santa Casa de Misericórdia
Mesários:
António Luís Esteves
José de Freitas
Luís Adriano Costa Coelho

Substitutos –
Eng. Armando Athaíde Pereira Medeiros
Ernesto Louro Fernandes de Castro
Luciano Augusto Rouillé



18-12-1948
Liceu Bocage
O Natal no Liceu
A quadra festiva do Natal é festejada no Liceu este ano, mantendo uma já velha tradição.
Amanha pelas 15 horas, realiza-se a tradicional festa do Natal, promovida pelos filiados dos Centros liceais da Mocidade Portuguesa masculina e feminina, da seguinte forma:
Sessão literária e musical a que assistem os convidados a quem a festa é dedicada e que suo os internados no Asilo da Infância Desvalida, Internato da Casa dos Pescadores, Florinhas da Rua, Casa de Santana e Orfanato Municipal Dr. Sidónio Pais.
O programa é o seguinte:
a) 1 - Hino da M.P.
2 - Canções Vamos Pastores, La Ronda da Navidade, Nina-Nana
3 - Relicário – baile espanhol.
4 - A Boneca – recitação
5 - Noite de Encanto – revista, fantasia.
6 - Flores – bailado
7 - O Presépio – recitação
8 - Vira "Canta Cachopita"
b) Exposição de um presépio e distribuição de brinquedos às crianças convidadas.
c) Merenda oferecida às mesmas e servida por Senhoras Professoras do Liceu e Alunas.
No dia 23 far-se-á a distribuiçao de enxovais a crianças pobres, confeccionadas por alunas do Liceu.


18-12-1948
Comissões da Unido Nacional
Da Freguesia da Anunciada
Presidente – Dr. Isidro Sequeira Estrela
V.Presidente – Carlos Faria Gomes
Alfredo Figueiredo da Silva
Carlos José da Silva Gomes
Edmundo Glória Rebelo

Comissão Concelhia
Presidente – Dr. Manuel Seabra Carqueijeiro
V.Presidente – Augusto César Lopes Pedrosa
José Augusto dos Santos
Dr. Francisco Perienes
José Valido Santana
Álvaro de Sousa Vitorino
Mário de Carvalho


20-12-1948
Morte de uma Escritora Setubalense
Realizou-se em Lisboa, onde residia, o funeral da conhecida escritora D. Olga de Morais Sarmento que, na vida literária, deixou lugar de evidência.
Nascida em Setúbal em 1881, era viúva do Dr. João Manuel da Silveira, médico naval morto na Campanha do Cuamato...
...Era condecorada com a Legião de Honra e as Ordens de Cristo, de Santiago e pertencia ao Instituto de Coimbra...


22-12-1948
Falecimento
Finou-se hoje D. Leopoldina Augusta Arôcha, de 78 anos, mãe extremosa do sr.António Manuel Arôcha considerado ourives joalheiro, e avó dos srs. José, Ernesto e Henrique Arôcha.


31-12-1948
Curiosidade
Mata do Garcia
Como nos anos anteriores, esteve anteontem, durante algumas horas, encerrada ao Público, a Mata do Garcia, a fim de manter o direito de propriedade.

Ano-Lectivo de 1983/84 - 10ºC

É uma das muitas turmas que tive e que não esqueço. Um pouco heterogénia com resultados no final do ano que variam entre os dez valores (cinco alunos) e os dezoito valores (dois alunos). Nove destes alunos (30% do total) atingiram valores na área do Bom e Muito Bom... e eu não era muito pródigo em notas desta bitola!... Houve dois "14's", um "15", dois "16's", dois "17's" e dois "18's". Uma bela turma... Quando era para brincar, brincava-se! Se se tratava de estudar... era isso o que faziam!

No final do ano, como era meu hábito, havia uma sessão de fotografias...para a posteridade! Parece ter chegado a altura de mostrar estas fotografias à tal "posteridade"...

A Turma C, do 10ºAno de Escolaridade, em Maio de 1984

Sentados no chão: António Rosa, Mª da Luz Penedos, Paula Alexandra Lopes, Mª José Carvalho e Paula Cristina Ferreira.

Sentados: Sofia Alexandra Lopes, Ana Cristina Pita, jjmatos, Mª Carmo Amaro, Teresa Paula Martins, Sandra Ramos Dias, Ana de Fátima Gonçalves, Ana Helena Abreu, Hélia de Jesus e Catarina Isabel Bica.

De pé: Mª Helena Francisco, Filomena Marchão, Francisco Campos, Eduardo Manuel Roque, Paula Alexandra Ferreira, Paulo Jorge Batista, Paula Ceistina Araújo, Francisco José Sá, o Auxiliar de Laboratório sr. Ribeiro, Oriana Melo e NN.

Catarina Isabel Bica - nº6

.

Sandrinha Isabel Ramos Dias - nº32

Em 15 de Junho, terminado o ano-lectivo, houve o Jantar de Confraternização, no Isidro, ainda o velho "tasco" muito habituado a reuniões deste tipo.

Era ainda de dia quando esta foto foi obtida. No meio dos alunos descortinamos o professor de Matemática, Dr.Salvador Ricardo da Costa e a jovem professora de Françês, DrªCarla Canelas.

.

Ainda antes do jantar, um grupo mais restrito, com dois "penduras" que não pertenciam àquela turma.

.

A Oriana Melo, a Catarina Bica e a Sofia Alexandra

.

As "manas" Teresa Paula Martins (nº35) e Maria do Carmo Amaro (nº19).

.

O Eduardo Roque (nº8) e a Maria José Carvalho (nº22) enquadram a Professora de Françês, DrªCarla Canelas.

.

A Cristina Paula (nº7) aguarda a sua vez
.
No final houve alegria... com corais improvisados e muitas palmas à mistura

29 janeiro 2007

António Alçada Batista - 29.Jan.1927

António Alçada Batista faz hoje 80 anos.
Parabéns!...

António Alçada Baptista nasceu na Covilhã no dia 29/01/1927.

Frequentou um colégio de jesuítas e licenciou-se em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Aqui exerceu advocacia entre 1950 e 1957.

Em 1961 e 1969 foi candidato pela Oposição Democrática nas eleições para a Assembleia Nacional e, de 1971 a 1974, foi assessor para a Cultura do então ministro da Educação Nacional, Prof. Veiga Simão Foi presidente do Instituto Português do Livro tendo presidido antes aos trabalhos da sua criação. Tornou-se conhecido como autor com a publicação do primeiro volume da obra Peregrinação Interior – Reflexões sobre Deus (1971).
Com a eleição de Jorge Sampaio para Presidente da República, foi nomeado seu colaborador. Obras: Documentos Políticos (crónicas e ensaios, 1970), Peregrinação Interior I – Reflexões sobre Deus (1971), O Tempo das Palavras (1973), Conversas com Marcello Caetano (1973), Peregrinação Interior II – O Anjo da Esperança (1982), Os Nós e os Laços (romance, 1985), Catarina ou o Sabor da Maçã (novela, 1988), Tia Suzana, meu Amor (romance, 1989), O Riso de Deus (romance, 1994).

'Eu sou um boémio de espírito. Não sou um escritor'

.
Conheço de há muito este intelectual de esquerda pelas posições políticas assumidas nos finais da década de sessenta quando era muito difícil para toda a gente manter uma postura vertical correcta. Um conhecimento mais próximo surgiu por interposta pessoa, a sua irmã Maria Isabel Alçada Batista, minha colega de turma no Liceu de Castelo Branco e, mais tarde, nos últimos anos do Curso de Ciências Biológicas na Universidade do Porto… a Bita como a tratávamos então. Anos mais tarde, no início da década de 70, a Maria Isabel Alçada Batista foi Professora de Biologia aqui no Liceu de Setúbal durante um ou dois anos.

.
Mas foi em 1980 que tive a oportunidade de contactar um pouco com o Dr.António Alçada Batista numa altura em que a Direcção do Clube Setubalense o convidou a proferir uma Palestra aqui em Setúbal.

Clube Setubalense - 15 de Maio de 1980

.
Coube-me a mim e ao Arquitecto José Luís Nascimento a tarefa de o irmos buscar a Lisboa. Descemos a rua de São Marçal, à Politécnica, ao fundo da qual morava e ali nos recebeu com muita urbanidade. E lembro-me que fizemos uma viagem bem agradável ouvindo dissertar, sobre os mais variados temas, o Conferente dessa noite no Salão Nobre do Clube Setubalense e de uma forma tão simples e agradável que quase nem demos pela viagem.


São dessa noite as fotografias que aqui registamos.

Beira Baixa - Notícias de 1951 - 1ºTrimestre

20 de Janeiro de 1951
Comarca de Castelo Branco
Entraram já no exercício das suas funções os distintos magistrados judiciais srs. Drs. Manuel José Carvalho Fernandes Costa, Juiz de Direito, e João Alcides de Almeida, Delegado do Procurador da República.

27 de Janeiro
Bombeiros Voluntários
Realizou-se no dia 12 a Assembleia-Geral da Associação de Bombeiros Voluntários de C.Branco.

Assembleia-geral:
Presidente: Dr. Alexandre Proença de Almeida Garrett
Vice-presidente: Cor. Manuel Gomes Rebelo
Secretário: Camilo Gil Martins Bispo
Vice-Secretário: Vasco Correia de Sá

Direcção:
Presidente: Miguel Lúcio Joaquim da Silva Pereira
Vice-presidente: José Duarte Marques Vilela
Secretário: João Vicente Fernandes Calqueiro
Vice-secretário: Carlos Nobre Soares
Tesoureiro: José Monteiro
Vice Tesoureiro: Luís Pires Marques

Conselho Fiscal:
Presidente: Possidónio José Marçal Grilo
Secretário: José Castanheira
Relator: José António Marçal Grilo


27 de Janeiro
Dr. Jorge Seabra
Recordando o passado "Os contínuos Fradique e Maia."


3 de Fevereiro
Centro Artístico Albicastrense
Tomou posse a nova Direcção de que fazem parte os Srs.:
Luís dos Reis Naré
Teófilo Batista
Joaquim Carrilho
Joaquim Fradique Monteiro
Eduardo Monteiro
Francisco Duarte Pardal
Manuel de Jesus Nunes


3 de Fevereiro
Dr. Joaquim Sérvulo Correia
Em 20 do mês findo, na Casa da Mocidade Portuguesa, descerrou-se a fotografia do Exº Sr. Dr. Joaquim Sérvulo Correia, ex- Delegado Provincial da Beira Baixa


24 de Fevereiro
Anúncio
“Selé, Marceneiro
Praça Luís de Camões, 2 -- Castelo Branco
Móveis e Estofos”


24 de Fevereiro
Despedida
Rui Nunes Blasco, furriel miliciano do Batalhão de Caçadores nº6, despede-se de todos os amigos e oferece os seus fracos préstimos em Timor.


24 de Fevereiro
Ordem dos Advogados
Foi eleito por unanimidade delegado da Ordem dos Advogados na Comarca de Castelo Branco, o prestigioso causídico Revº Dr. Joaquim Félix Beirão

3 de Março
Associação Desportiva de Castelo Branco
Foram aprovados os Corpos Gerentes da Ass. Desportiva de Castelo Branco.

Assembleia-geral:
Presidente: Dr. Armindo Gonçalves Ramos
Vice-presidente: Amado Simões Estriga
Secretário: José de Oliveira Ribeiro
Secretário: Eduardo Nogueira Cardoso

Direcção Administrativa:
Presidente: Dr. João Frade Correia
Vice-presidente: Homero dos Santos Graça
Secretário-geral: Joaquim Marques
Secretário Adjunto: Joaquim dos Santos Pires
Tesoureiro: José Martins Moreira
Vogais: João Rosa, Manuel dos Reis e Ricardo dos Santos Rosa

Conselho Fiscal:
Presidente: Manuel do Nascimento de Oliveira Barata
Relator: Tomás da Costa Carvalhão
Vogal: Eng. José Pedro Cordas


3 de Março
Flama
O último número da Flama dedica uma página a Castelo Branco na qual, em moldura interessante de belas fotografias da cidade, se insere um artigo de Hermenegildo Dias, com o título "Castelo Branco, cidade do ar e da luz"


3 de Março
O Círculo de Educação e Cultura de Castelo Branco retomou a sua valiosa e simpática missão oferecendo-nos, no último sábado, um serão do melhor cunho artístico, educativo e cultural.
O Sarau teve lugar no Cine Teatro Vaz Preto e constou de duas partes -- Conferência e Canto -- qualquer deles do mais requintado encantamento.
Na 1ª parte, o Revº Padre João Pires fez a apresentação dos Conferentes, Mário Simas e Frei Diogo Crespo, Director e Chefe de Redacção da interessante revista Flama e dos cantores Alberto Ribeiro, Júlia Barroso e da jovem declamadora Maria Dulce, todos sobejamente conhecidos e dignamente apreciados...


3 de Março
Falecimento
Faleceu em 27 de Fevereiro, a srª D. Maria Rosa Fonseca Pereira Coutinho, com 60 anos, mãe Sras. D.Maria da Guia Pereira Coutinho, distinta professora do nosso Liceu, D.Maria da Assunção Pereira Coutinho, D. Mariana Pereira Coutinho e do sr. Carlos Pereira Coutinho.


10 de Março
Falecimento
Vítima de doença que não perdoa e de que há muito vinha sofrendo, faleceu nesta cidade no dia 2 do corrente, a menina Maria de Lourdes Madeira Vilela, filha da srª. D. Delfina Madeira Vilela e do sr. João Vilela, motorista do Exº Sr. Dr. Alexandre Garrett.
Muito nova ainda, pois contava apenas 15 anos de idade, não resistiu à doença apesar de todos os esforços empregados pela Ciência e dos cuidados e carinhos prodigalizados por seus pais e mais família.
Tinha recebido há poucos dias a Bênção Apostólica que Sua Santidade se dignara enviar-lhe


10 de Março
Jornal
"O Despertar..." é o nome do novo colega que a academia de Castelo Branco começou a publicar mensalmente.
Dirigem-no os alunos José Pires Lourenço, Fernando Chambino e Diamantino Borges Henriques


10 de Março
Procissões
Na noite de hoje realiza-se a deslumbrante Procissão da Lanterninha, da Igreja da Graça para a Sé.
Amanhã pelas 16horas efectua-se a procissão de Nosso Senhor dos Passos, da Sé para a Graça, com o itinerário do costume.


31 de Março
Bispo D. António
Título: "Castelo Branco veste as melhores galas para receber dignamente o seu Prelado."
Irmanados na fé dos seus maiores e crentes no valor e força do Espírito, os albicastrenses rendem as melhores homenagens ao seu Bispo.
Domingo de Pascoela e a semana seguinte ficarão assinalados por um acontecimento digno da capital da Beira Baixa. ( notícia com foto do Bispo )

Setúbal de outros tempos

Quem adivinha onde é isto?
O que é que agora está aqui?
Uma dica: à esquerda vê-se parte do edifício da panificação...


Setúbal, em 15 de Junho de 1970

28 janeiro 2007

Panelas, tachos, meringues...

Há uns tempos atrás, escrevi um breve apontamento sobre o sentido de humor do advogado ilustre que foi Amílcar Ramada Curto. Um humor fino mas cheio de impacto!
.
Hoje volto à carga com o humor de Ramada Curto… Não tão “fino” desta vez, como podereis apreciar mas sempre eficaz…

.
Devo fazer, no entanto, uma pequena referência à pessoa de José Domingues dos Santos que foi Presidente do Conselho de Ministros, lugar de que tomou posse em 22 de Novembro de 1924. Dirigiu um breve governo republicano de esquerda na fase final da 1ª República Portuguesa (1910-1926) que deslizava para a direita autoritária ante a fragilidade do movimento operário e da pequena burguesia democrática.

.
Apenas como curiosidade devo informar, porque não consta na maior parte dos dicionários, que a palavra “meringue” diz respeito a uma “Bilha ou garrafão de barro, bojuda, para água, com asa na parte superior e um gargalo em cada extremidade desta”

.
Posto isto, vamos ao que interessa!

.
Numa altura em que José Domingues dos Santos já tinha deixado de ser Primeiro-Ministro, o deputado, jornalista e político, Ramada Curto contou que teve necessidade de lhe pedir um favor enquanto Chefe do Governo… favor esse que lhe foi negado!

.
Sem mais aquelas, o verrinoso político “engendrou” o poema que aqui vos deixo e que, mais uma vez fico a dever à prodigiosa memória do Dr. José Soveral Rodrigues.


.
Havia um Mestre Domingues
Que era mestre em olaria.
De todo o barro fazia
As obras de arte mais belas...
Panelas, tachos, meringues...
Mas sobretudo panelas!...
Tão duras e resistentes
Não as podiam quebrar
Os pontapés mais valentes...
Do ar deixava-as cair
Sempre na laje mais dura!
E levantava-as do chão
Sem uma beliscadura...
De sorte que os fregueses
Que lhe levavam dinheiro
E se juntavam às vezes
Na loja do Zé Domingues
Diziam todos à uma:
" É um grande paneleiro!...
Não há dúvida nenhuma!!..."

Arcos da Velha...

Setúbal, Vanicelos - 23 01 2007 - 07:55

Curvas concêntricas...

27 janeiro 2007

Ainda o referendo

"Pergunta do referendo visa a liberalização."
Jorge Miranda diz que se o “sim” ganhar, futura lei violará a Constituição.


O constitucionalista Jorge Miranda considera que a pergunta do referendo de 11 de Fevereiro visa a liberalização e não a despenalização do aborto, considerando que uma futura lei nesse sentido violará a Constituição.

"Na lei de 1984 há um ponderação de valores entre a vida humana e o direito à saúde e dignidade da mulher. Aqui não há nenhuma realidade constitucionalmente admissível que justifique pôr em causa a vida humana", defendeu Jorge Miranda.

Questionado sobre se, em caso de vitória do "sim", a legislação futura violará a Constituição, Jorge Miranda respondeu afirmativamente. "Entendo que sim", disse, lembrando que a Constituição refere, no seu artigo 24º, que "a vida humana é inviolável".


Para Jorge Miranda, se a intenção do legislador fosse a de despenalizar , "nem valeria a pena levar a questão a referendo", considerando que "na prática" já se verifica a despenalização, ao não existirem mulheres presas pela prática de aborto.
"Admite-se que, numa sociedade plural, uma parte entenda que [o aborto] não deve ser criminalizado. Mas essa parte não pode impor à outra que considere que um mal, um ilícito seja liberalizado", argumentou.


Diário Digital - Lusa
26 01 2007 21:00

A vida comove - As Cegonhas

As Cegonhas a que a Ana Rita se refere são aquelas que no seu tempo traziam de Paris os meninos que iam nascer……
… e ela termina o seu apontamento desta semana com a frase: “Há muito desapareceram as cegonhas".

Ana Rita Calqueiro

Com a devida vénia permito-me transcrever algumas partes significativas de um artigo de opinião, que li na "Reconquista" do dia 25 de Janeiro, da autoria da jovem advogada albicastrense Ana Rita Calmeiro.

"A vida comove
.
As Cegonhas
Pensava no assunto quando reparei em duas cegonhas brancas sobrevoando a cidade.Dois traços brancos, abertos, no céu muito azul. Braços abertos que planavam indiferentes a mim e ao semáforo que me retinha. Não reprimi um sorriso, recordei a ideia da origem parisiense de todas as criaturas, trazidas até aos seus lares por majestosas cegonhas sempre bem-vindas.

.
Mas realidade não é uma fábula e o meu sorriso perdeu-se nesse pensamento cru que nos propõem ao voto de consciência. Pedem-me que decida quem deve viver e quem não deve? Pedem-me que decida que vidas merecem ser vividas? Falam-me em semanas, como se isso fosse grande critério, como se ser-se pequenino fosse ser-se pouca coisa, um nada a fingir que vive e vai ser gente. A pergunta repugna-me, insulta-me, tão cheia de interesses mesquinhos, tão negra, tão absurda.
(…)

Pergunta-se: pode interromper-se uma gravidez até às dez semanas (eufemismo para: pode matar-se uma pessoa até às dez semanas de vida)? E a sociedade pensa, pondera, avalia, resposta difícil, por um lado a mulher, coitadinha, a mulher e o seu corpo, por outro lado o embrião, um ser que se gera, Vida, crime ou não, que difícil.A sociedade demora-se nesta dúvida colossal entre os interesses e os valores, patética, num reflexo do egoísmo contemporâneo que tudo submete à vontade e à vaidade, desculpabilizando o aborto quando a Vida é inconveniente.

(…) A liberalização do aborto até às dez semanas seria um retrocesso civilizacional, um retorno à ideia de que certas vidas valem mais do que outras ou de que certas vidas existem para servir os interesses e conveniências de outras…,

(…) Abortar é impedir uma pessoa de nascer, é a cobardia de matar um ser humano indefeso, demasiado confiante no ventre da mulher que o hospeda. Dizem-me que a sociedade não está preparada para acolher, amparar e integrar os bebés não desejados. Também o não está para assegurar o emprego dos jovens e o descanso dos velhos no seio da família; também o não está para tirar os mendigos da rua; também o não está para garantir cuidados de saúde eficazes a todos os doentes; também o não está para prevenir ou reparar todas as injustiças - e agora? Referendamos a vida destas pessoas, olhos nos olhos, decidindo quem tem condições (...)para merecer viver? Cruzamos os braços? Olhos nos olhos é mais difícil votar a favor da morte de alguém. A vida comove (...) Se o referendo se fizesse olhos nos olhos tenho a certeza de que o Não venceria.
(...)
Parece fácil votar sim, demasiado fácil. Parece fácil esquecer que aquele pequeno Ser é nosso igual e não deve ser apenas o preço a pagar pelos erros de cálculo dos que o conceberam. Eu não esqueço. Não gosto do que é fácil. Vou votar Não e quero erguer bem alto as minhas mãos limpas. Há muito desapareceram as cegonhas.

26 janeiro 2007

Setúbal de outros tempos

Abertura da Avenida Miguel Bastos, actual Av.Bento Gonçalves

Em 15 de Junho de 1970
.
35 anos depois... Olhem no que deu!...

Foto obtida em 24 de Janeiro de 2007

25 janeiro 2007

Beira Baixa - Notícias de 1950 - 4ºTrimestre

7 de Outubro
Lista dos candidatos à eleição das

Juntas de Freguesia de Castelo Branco.

Efectivos:
Manuel Jaime da Costa Roxo - funcionário público aposentado.
António Rocha - proprietário
José Fradique de Sousa - empregado bancário

Substitutos:
José de Oliveira Ribeiro - Guarda livros
José do Nascimento Costa - Guarda livros
José dos Santos Portela Feijão – comerciante

7 de Outubro
Dr. Sérvulo Correia
Foi nomeado Reitor do Liceu Camões, de Lisboa.
Desempenhava as mesmas funções no Liceu de Castelo Branco.

9 de Outubro
Escola do Magistério Primário
Por despacho ministerial de 5 do corrente, foi criada uma Escola do Magistério Primário nesta cidade.

21 de Outubro
As varizes e as hemorróidas eram tratadas pelo Dr. Lívio Lopes Ferreira, na rua de StªMaria nº96,
onde dava consultas todos os dias úteis das 16h às 19 horas.

21 de Outubro
Doentes
Na Casa de Saúde de Castelo Branco, modelar estabelecimento dirigido pelo sr. Dr. Alberto Trindade, foi operada de apendicite a menina Maria Emília Severino Beirão que já recolheu a casa em franca convalescença.

21 de Outubro
Doentes
Pelo sr. Dr. Pinto da Rocha também foi operada à garganta a menina Maria Virgínia Severino Beirão que, como sua irmã, também se encontra a convalescer.

21 de Outubro
Manuel Vaz Preto Giraldes
Aos estragos de uma congestão cerebral, faleceu no Solar da Lousa, no passado dia 14, o sr.Manuel Barba de Meneses Vaz Preto Giraldes, filho do ilustre oficial da Marinha de Guerra Manuel Barba de Meneses e neto do antigo par do Reino Manuel Vaz Preto Giraldes.
Era casado com a Srª D. Bárbara Tavares Proença Vaz Preto Giraldes, irmão do ExºSr. D. Manuel Vaz Preto Giraldes de Bourbon, pai da Exª Srª D. Maria Tassiana Tavares Proença Vaz Preto Giraldes de Abrunhosa e sogro do Sr. Dr. João Caetano de Abrunhosa.

28 de Outubro
V.Exª Quer andar bem Calçada?
Vá à Sapataria Fradinho
Precisa do seu calçado consertado?
Não confie em qualquer curioso...

28 de Outubro
Despedida
Jorge Manuel Ferraz de Albuquerque despede-se dos Amigos e oferece os seus limitados préstimos em Yapala, província de Moçambique.

28 de Outubro
Nascimento
Em Coimbra, deu à luz uma menina, a srª. D. Maria Tassiana Vaz Preto Abrunhosa, esposa do sr. Dr. João Caetano Abrunhosa.

28 de Outubro
Dr. Alberto Trindade
Saiu hoje para Madrid, o sr. Dr. Alberto Trindade que vai tomar parte no III Curso de Patologia Médica Cirúrgica do Aparelho Digestivo, que vai funcionar no Hospital Provincial de 1 a 30 de Novembro.

11 de Novembro
Cortejo de Oferendas
O 2º Cortejo de Oferendas de Castelo Branco foi uma importante manifestação de caridade e folclore regional e rendeu cerca de 1100 contos, continuando Castelo Branco à frente de todos os Cortejos de Oferendas realizados até hoje em Portugal

18 de Novembro
Dr. Jorge Seabra
Recordando o passado "Envelhecer."

25 de Novembro
Falecimento
Depois de estar poucos dias retido no leito, finou-se nesta cidade, o sr. Ayres Lopes de Almeida, de 55 anos de idade, natural de Valverde, concelho do Fundão. Era pai dos srs. Dr. Albano Joaquim e José Fernando Proença de Almeida e das sras. D. Maria da Soledade, Maria Ercília, Maria Teresa, Maria das Dores e Maria de Lourdes Proença de Almeida.
O finado que já há anos se estabelecera na nossa cidade era proprietário do Café Lusitânia, gozando aqui de gerais simpatias e, a atestá-lo, está o seu funeral, que se realizou no dia 22, onde se incorporaram alguns milhares de pessoas de todas as camadas sociais e os estudantes de todos os estabelecimentos de ensino secundário da nossa cidade, quase na sua totalidade.

25 de Novembro
Administração Municipal
O Conselho Municipal de Castelo Branco para o quadriénio 1951/54 tem a seguinte constituição:

Pelas Juntas de Freguesias
José Nunes da Conceição, de Sarzedas.
José Robalo, de Cafede
Manuel Antunes Preto, da Lardosa
Manuel Jaime Cota Roxo, de Castelo Branco

Pelas Casas do Povo
Dr. António Correia, de Monforte
Armindo Gonçalves Carvalhão, de Tinalhas

Pelas Misericórdias
Manuel da Silva, de S. Vicente da Beira

Pelo Grémio do Comércio
Amadeu Garcia Pereira

Pelo Grémio da Lavoura
José Eugénio da Gama Fazenda, de Escalos de Cima

Pelas Ordens
Dr. Alexandrede Almeida Garrett, de Castelo Branco

Pelos Sindicatos Nacionais
João Gomes Leitão, de Cebolais de Cima
José de Oliveira Ribeiro, de Castelo Branco

9 de Dezembro
Falecimento
Vitimado por congestão cerebral faleceu em 3 de Dezembro o sr. Joaquim Batista Valente, com 45 anos de idade, considerado comerciante da nossa terra.. Era pai da srª. D. Maria Udite Esteves Valente e proprietário da Casa Valente.

9 de Dezembro
Bodas de Prata
No sábado passado festejaram as suas bodas de prata matrimoniais, os Exos.Srs. Dr. Alexandre de Proença de Almeida Garrett e D.Maria de Lencastre de Almeida Garrett, figuras distintas da nossa melhor Sociedade cuja vida constitui destacado exemplo de virtudes cristãs.

9 de Dezembro
Dr. Robalo Cordeiro
Com altíssima classificação concluiu a sua formatura em Medicina, o nosso simpático amigo sr. Dr. António José de Amorim Robalo Cordeiro que foi sempre, em todos os graus de ensino, um aluno brilhante

23 de Dezembro
Dr. Jorge Seabra
Recordando o passado "A Dona Branca Cunha."

23 de Dezembro
Província da Beira Baixa
Está constituído o Conselho de Província

Pelas Câmaras dos Concelhos da Província
Dr. Mário Galvão Videira
Dr. João Folgado Frade Correia
Dr. Fernando Alberto Garcia Carneiro
Dr. José Augusto Pinto da Rocha
Dr. Francisco Rebelo de Albuquerque
Dr. Domingos Ferraz de Carvalho Megre
Alfredo Lopes Tavares
José Bernardo
Dr. João Mendes Paulo
Dr. João Calado Rodrigues
Luís Gonzaga Nunes de Almeida
Pelas Pessoas Colectivas de Utilidade Pública Administrativa
Dr. Frederico da Costa Conde
Monsenhor António dos Santos Carreto
José Fonseca Morais Alçada

Pelos Liceus e Institutos Secundários da Província
Dr. Alberto Trindade

Pelas Escolas do Ensino Técnico
Eng. Ernesto Campos Melo e Castro
Director do Distrito Escolar de Castelo Branco Francisco Pinto Mouro

No mesmo dia foi eleita a Junta de Província que ficou constituída do seguinte modo:
Presidente: Dr. Alberto Trindade
Vice-presidente: Eng. Ernesto Campos de Melo e Castro
Vogais efectivos:
Francisco Pinto Mouro
Dr. João Folgado Frade Correia
José da Fonseca Morais Alçada
Vogais substitutos:
Dr. João Calado Rodrigues
Dr. José Augusto Pinto da Rocha
Alfredo Lopes Tavares

As minhas fotos preferidas 8

Reparação das redes

Doca das Fontaínhas, em 30 de Junho de 1969

24 janeiro 2007

Figuras ilustres de Setúbal

Toda a gente conhece a rua Dr.Paula Borba, em Setúbal! É a rua principal do burgo.
Mais afastada do centro é a rua Dr.Luís Teixeira de Macedo e Castro, lá para a zona oriental, ao pé do Bairro que foi "Marcelo Caetano", entre a Camarinha e o Peixe Frito.
O que nem toda a gente conhece é a figura destes dois Homens... que eu tive a sorte de ver estampada numa fotografia que o Dr.Soveral Rodrigues teve a amabilidade de me emprestar.
Ainda conheci, durante muitos anos, o Dr.Macedo e Castro que morava no edifício da Avenida Todi, onde é hoje o Millenium BCP. Era um homem de idade quando o conheci. Era um "velho charmoso" com uma bonita presença e que apesar da idade que tinha, gostava muito de passear, muitas vezes sozinho. Já não conheci o Dr.Paula Borba que havia falecido já quando cheguei a Setúbal em 1957... Já lá vão uns bons anos!...

O Dr.Luís Teixeira Macedo e Castro e o Dr.Paula Borba

Setubalense - 1948 - 2º e 3º trimestres

03-04-1948
Posse
Na passada 5ªfeira tomou posse do lugar de Tesoureiro da Câmara Municipal de Setúbal, o sr.Manuel Teixeira Malheiros, funcionário administrativo que havia já prestado serviço idêntico na Câmara Municipal de Palmela.
A posse foi-lhe conferida pelo Ilustre Presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Dr. Miguel Rodrigues Bastos...
Usou também da palavra o sr. Dr. Osório d' Oliveira, ilustre Chefe da Secretaria do Município e, por último, o empossado agradeceu.

.
03-04-1948
Crise
Capitações de Abril
Açucar - 1 kilo
Arroz - 500 grs.
Sabão - 400 grs.
Azeite - o consumidor pode levantar a quantidade que necessitar.

.
10-04-1948
Notícias Militares
Pelo Governador Militar de Lisboa cessante, sr. Gen. Pereira Coutinho, foi louvado o sr. Ten. Cor. Augusto de Carvalho, 2ºComandante do Regimento de Infantaria nº11 "pela forma cuidadosa, correcta, dedicada e proficiente como tem desempenhado o seu lugar, mostrando as suas grandes qualidades de militar digno, aprumado, competente e com muitas qualidades de trabalho."

. .
19-04-1948
Cinco Navalistas a caminho da Suissa
Artigo com continuação assinado por José dos Santos Azoia, em que é descrita a viagem dos "jovens" Azoia, Hugo Quintans, Gilberto, Machado e René Trevidic.

.
24-04-1948
Clube Naval
A homenagem de amanhã aos Campeões do Mundo de Hóquei em Patins é promovida pala secção de patinagem do Clube Naval Setubalense.

... "Edite Cruz, a jovem patinadora portuguesa que em Montreux deslumbrou a assistência, e a patinadora belga Fernanda Van Acken exibem-se amanhã no recinto de patinagem do Naval...
.
01-05-1948
Tribunal
Era chefe da Secção Central do Tribunal, o sr. Carlos Aníbal Patrício Paúl.

.
03-05-1948
Novo Clube
Foi devidamente aprovada por S.Exª o Sr. Ministro da Educação Nacional, por despacho de 21 de Abril de 1948, o novo clube desta cidade designado por "Clube de Ténis de Setúbal" que foi fundado em 10 de Março findo.
.
15-05-1948
Excursão do Colégio Frei Agostinho da Cruz
Amanhã, domingo 16, professores e alunos do Colégio Frei Agostinho da Cruz fazem uma excursão à Arrábida (Mosteiro, Portinho e Lapa de Stª Margarida) almoçando no pinhal que lhe fica sobranceiro. Depois seguem para Sesimbra visitando o Castelo e, por último, para o Cabo Espichel.

Na Arrábida e no momento da visita à cela de Frei Agostinho, fará uma prelecção o aluno do 7ºano, sr.Epifânio Patrício...
... Em Sesimbra, o aluno do 5ºano Zófimo Luz apresenta um esboço histórico...
... No Espichel, leitura sucinta de uma resenha histórica acerca da Igreja de Nª Srª do Cabo que será feita pelo aluno do 3ºano Rogério da Conceição Rolão...
.
19-05-1948
Novo Juiz
O Sr. Delegado do Procurador Geral da República, na Comarca de Setúbal, Dr. Manuel dos Santos Victor... presta provas para Juiz num concurso que reuniu cerca de vinte e sete concorrentes.

.
24-05-1948
Liceu Bocage
Visita de Estudo ao Castelo de S. Filipe.
Os alunos de ambos os sexos do 2ºano, turma B do Liceu Nacional de Setúbal foram, ontem, acompanhados da distinta professora D. Elda Quintão Lages ao Castelo de S. Filipe, onde aquela educadora fez uma prelecção acerca dessa antiga fortaleza e que, agora, os referidos alunos terão de redactar. O passeio foi agradável, a lição proveitosa e, como prémio de compensação, quando a caravana liceal, já de regresso, vinha na antiga rua do Poço ouviu, de um receptor de rádio, Quadrio Raposo dizer: "Portugal vence a Irlanda por 2-0." Claro que tal notícia encheu de satisfação todos os rapazes e raparigas. E o caso não era para menos.

.
29-05-1948
Clube de Ténis de Setúbal.
Foram eleitos os primeiros Corpos Gerentes deste Clube que servirão no ano corrente:

Assembleia Geral:
Presidente - Januário J. Dias
V.Presidente - Aníbal Martins
1ºSecretário - Silvério P. Jones
2ºSecretário - João de Sousa Lança
Direcção
Presidente - Francisco Biscaya da Silva
V.Presidente - Germano A. Rendas
1ºSecretário - Ricardo Correia
2ºSecretário - Rogério M. Martins
Tesoureiro - Jaime D. Viegas
1ºVogal - José Albino Coelho
2ºVogal - José M. Valido
Conselho Fiscal
Presidente - Mário T. Carqueijeiro
Secretário - Renato M. Farto
Relator - Arlindo Nogueira

.
05-06-1948
Celestino Alves
O júri encarregado da atribuição dos prémios instituídos pelo Secretariado Nacional de Informação, para a Exposição Anual de Arte Moderna que ali se encontra patente ao público, deliberou por unanimidade atribuir o "Prémio Sousa Cardoso", de 5 contos, ao talentoso pintor setubalense sr. Celestino Alves.

.
07-06-1948
A visita presidencial a Setúbal.
Sua Excelência o Venerando Chefe de Estado foi recebido em Setúbal num ambiente de verdadeira apoteose, como prova o muito amor, carinho e respeito com que o seu nome é tido por todos os setubalenses (visita ontem)

.
16-06-1948
Anúncio
"Revalidação de registo de casamento".
João Maria da Silva, de 27 anos de idade, barbeiro, natural e residente nesta cidade, requereu na Conservatória do Registo Civil desta cidade de Setúbal, justificação para revalidação do registo do seu casamento com Senhorinha da Conceição Gomes.
Ao abrigo do disposto no Artº228º, do Código do Registo Civil e nos termos do §1º do citado artigo, são avisados quaisquer interessados a deduzirem a oposição que tiverem, pelo espaço de 30 dias, na Conservatória referida.
Setúbal,15 de Junho de 1948
João Maria da Silva

.

21-06-1948
Voltamos a insistir.
Lembramos à Câmara a necessidade que tem de mandar policiar, por guardas seus, o Campo do Bonfim onde rebanhos de cabras e porcos dão cabo das árvores novas.

.
23-06-1948
Dr. Adelino Osório
Foi ocupar o cargo de Secretário do Governo Civil de Vila Real, deixando o lugar de Chefe da Secretaria da Câmara Municipal.

.
23-06-1948
O trânsito de Setúbal.
Na sessão da Câmara de 17 do corrente, foi nomeada a Comissão que há-de tratar de regulamentação do trânsito em Setúbal.
Compõem-na os srs. Dr. Rodrigues Bastos, o Dr. Gago da Silva, vereador, Cap. Oliveira Matta, comandante da polícia, o Presidente do Sindicato Nacional dos Motoristas e Eng. Câmara Pestana, do Serviço de Viação e Obras.
O estudo tem de ser entregue à Câmara no prazo de 30 dias.

,
26-06-1948
Biblioteca - Aviso
Reabre no dia 28 do corrente, com o seguinte horário experimental:
Das 14 às 18 horas e das 20 às 22 horas
Paços do Concelho de Setúbal .
24 de Junho de 1948.
Miguel Rodrigues Bastos
26-06-1948
Cargos
Era Sub-Delegada da MPF, a srª D. Josefina Gamito
Era Sub-Delegado da MP, o sr. José Valido Santana
Era Reitor do Liceu, o sr. Dr. Manuel Gamito
Era Director da EscolaTécnica, o sr. Eng. Armando Medeiros
Era Delegado do INTP, o sr. Dr. João Neves
Era Sub-Delegado de Saúde, o sr. Dr. José S. Fialho.

.
03-07-1948
Feira de S.Tiago
Vai ser instalada no Campo do Bonfim, por detrás do Liceu Velho .

.
03-07-1948
Desastre
...O Dr. José de Sousa Fialho, sub-Delegado de Saúde nesta cidade havia sido vítima de um desastre quando, acompanhado de sua esposa D.Maria Líbia Romano Batista de Sousa Fialho e de seu filho António Jaime Batista de Sousa Fialho, regressavam no seu carro, a esta cidade...num local distanciado 17 quilómetros de Setúbal..., denominado "Negreiros".
O sr. Dr. Sousa Fialho sofreu fractura do frontal esquerdo.

.
10-07-1948
Restaurante Bocage.
...foi dotado com um amplo frigorífico, onde conserva sempre, em óptimo estado de frescura, carnes, peixes, frutas, hortaliças, aves, caça, vinhos e refrescos. Foi uma boa aquisição.

.
17-07-1948
Tirocínio
...foi nomeado para tomar parte no estágio, para o posto de Coronel, o sr. Ten. Cor. Augusto de Carvalho, 2ºComandante do Reg.Inf.nº11, e que terá início em 23 de Agosto, no Instituto de Altos Estudos Militares.

.
19-07-1948
Inauguração oficial da sede do Clube de Ténis de Setúbal, presidida pelo sr. Dr. Miguel Rodrigues Bastos, ilustre Presidente da Câmara. (instalada na Praça do Cabedo, nº8 -1º)

.
31-07-1948
Falecimento
Faleceu o sr. Francisco António Marques, co-proprietário da antiga Farmácia Marques, da rua Arronches Junqueiro. O extinto contava 42 anos e era casado com D. Alice Rosa Correia Marques.

.
31-07-1948
C.M.S. - Serviços Administrativos - Aviso
Lista definitiva dos candidatos admitidos ao concurso de habilitação para o lugar de Escriturário de 3ªclasse do Quadro do Pessoal Maior destes Serviços, a que se refere o anúncio publicado no Diário do Governo nº63 - IIIªSérie, de 17 de Março de 1948:
Maria Helena Correia Martins
Maria La Salete Pires dos Reis
Armando Agostinho Trindade
As provas práticas realizam-se no dia 16 de Agosto próximo futuro, pelas 9 horas.
Setúbal, 28 de Julho de 1948
Miguel Rodrigues Bastos
.

21-08-1948
O Café da "Brasileira" reabre amanha as portas ao público, completamente remodelado.

.
22-08-1948
Nudismo integral nas Docas de Recreio e Comércio.
Todas as tardes se pratica o nudismo, em grande escala...

.
11-09-1948
Casamento
Realizou-se em Fátima o enlace matrimonial de D.Maria Helena Duque de Santana, filha do sr. João José Duque de Santana, estimado empregado bancário e de D.Maria dos Anjos Neto Santana, como sr. José Alves de Carvalho Fernandes, tenente de Infantaria nº11, filho do sr. Joaquim Alves Fernandes, digno Chefe de Secção do Tribunal Judicial de Setúbal e de D. Adelaide Carvalho Fernandes.
Serviram de padrinhos, por parte da noiva, seu Pai e D. Olímpia Duque de Santana Rodrigues, sua tia, e por parte do noivo, o sr. Francisco Coelho Junior e D.Maria Adelaide Fernandes, seus tios

Aos recém casados, os nossos parabéns e o desejo de uma prolongada lua de mel.
.
18-09-1948
Funeral
...realizou-se em Lisboa o funeral de D.Maria Beatriz Ahrens Teixeira de Morais Vaz, esposa de Rui Morais Vaz, Secretário Geral da Unido Nacional e professor da Escola Industrial Afonso Domingues.
...era natural de Setúbal, tinha 52 anos... era filha de D.Maria Inocência O'Neill Groot Pombo Ahrens Teixeira, mãe das sras. Ana Ahrens Teixeira Caes Esteves, D. Berta Ahrens Teixeira Piçarra e D. Paulina Ahrens Teixeira Correia de Melo...

.

23 janeiro 2007

O Chico Romãozinho

Há quase 50 anos que mantenho um “cordão umbilical” que me liga semanalmente a Castelo Branco. Dá pelo nome de “Reconquista”… É um semanário de excelente qualidade!
A primeira página do último número, saído no dia 18 de Janeiro, mostra-me em destaque, um Amigo que já não vejo há muito tempo e que deixou há muito de ser o “miúdo” com quem convivi em Alpedrinha, em algumas férias de verão nos anos 50…


Trata-se do Francisco Romãozinho, “um dos três portugueses que ganharam o Rali de Portugal, na sua versão internacional”. que se prepara agora “para receber um dos mais ilustres galardões atribuídos pela Federação de Automobilismo e Karting: o Prémio Carreira".

Filho de um muito considerado médico de Castelo Branco, o Chico Romãozinho era filho único e, aos onze ou doze anos, era um rapaz tímido que o pai desejava mais aberto... Sabendo que um grupo de amigos costumava fazer umas férias de verão em Alpedrinha, acampando na Quinta do Dr.Sá Pereira, junto à Capela do Anjo da Guarda, a meia encosta entre Alpedrinha e a Portela do Homem, o Dr.Romãozinho pediu ao Luís Grilo que levássemos connosco o seu rebento...para ver se ele "arrebitava" um pouco. E o Chico Romãozinho foi connosco! E "arrebitou" como o Pai desejava...
Portou-se bem, foi um bom companheiro e aprendeu umas coisas...

Esta foto, onde o Romãozinho está connosco, foi obtida em Agosto de 1956.

No sentido doa ponteiros do relógio, começando da esquerda, vemos o Joaquim Manuel Lopes, o jjmatos, o Júlio Galvão, o Tó Sá Pereira (que mais tarde foi médico em Setúbal, no Hospital de S.Bernardo e era filho do Dr.Sá Pereira que nos cedia anualmente aquele paraíso), o Francisco Romãozinho, o João Salavisa Vicente, o António Manuel Morais, o Rafael Gamas, o Júlio Geirinhas, o Eduardo Grilo e o irmão Luis Marçal Grilo.
.

Em Setembro de 1958, com o António Carreto Curto e o Pires Antunes,no casamento do meu irmão Olímpio.
.
3 de Setembro de 1958
Da esquerda para a direita:
António Alberto Grilo, Dr.Dias de Carvalho, Luis Marçal Grilo, Albano Pina (?), Eduardo Grilo, jjmatos, os noivos, NN, António Carreto Curto, António Pires Antunes e Francisco Romãozinho.

Entre esta foto, tirada quando tinha 16 anos, e aquela que surge esta semana na primeira página da "Reconquista", passaram por nós, e também pelo Chico, 48 anos...
... e, entretanto, tal como diz a notícia,"este albicastrense, junta à excelência do seu precurso desportivo, uma bem sucedida carreira na área da gestão e administração: foi director da Citroen Portugal, administrador da Siva e presidente da Fiat Portuguesa.

Um abraço amigo para ti, Francisco Romãozinho

do jjmatos

O irmão mais novo...

O Prof.Luís Paquete sugeriu e a
Festa dos Alunos de Natação do Clube Naval
fez-se com todos eles vestidos com
fatos de banho dos anos 20...
A Teresa Mourinho tomou muito bem conta do "irmãozinho pequeno"...
Foi um sucesso esta festa no Naval.


Irmãos Mourinho, em 15 de Agosto de 1969

22 janeiro 2007

NÃO. Outra vez não!

No "Público", em 22 01 2007

Graça Franco

Há uns tempos que não se deixava ler nas colunas do Público.
Parece ter havido uma justificação…

Esperemos que volte de vez aos seus leitores e na melhor das formas!
Num artigo que vale a pena ler, Graça Franco aborda o problema do aborto a que deu o título “Não. Outra vez não!”.
É desse artigo que respigámos alguns excertos que, com a devida vénia, reproduzimos.


"(…)Passei boa parte dos últimos seis meses entre salas de espera e corredores hospitalares repletos de macas e doentes. Vivi de perto o caos do nosso sistema de saúde. Participei activamente nele. Explicaram-me, numa farmácia hospitalar, que para conter os custos de algumas patologias "muito caras" se tinham feito novos acordos que impediam o uso das terapêuticas anteriores! Resultado: eu ainda "tinha sorte" mas os novos pacientes seriam já contemplados com novos fármacos. Vão curar-se na mesma. Nada a dizer, não fossem os danos "colaterais" resultantes de esses remédios serem por exemplo ministrados em doses únicas preparadas para pesos médios muito superiores aos dos doentes portugueses. A coisa só é assim porque o dinheiro não chega para tudo, não há mentes perversas empenhadas em minimizar o custo e maximizar os efeitos secundários. Estou a falar de doenças a que, caridosamente, o actual ministro rotula de "catastróficas!" Se a entidade reguladora quiser investigar... eu informo.Não abdico do direito à indignação quando, neste quadro, vejo o ministro todo lampeiro a dizer que os abortos a pedido, porque são prioritários, serão devidamente pagos com os nossos impostos e facultados em tempo em clínicas privadas contratadas para o efeito. Ficassem eles sujeitos às listas de espera e seria ver as criancinhas a nascer "de termo", bem antes de chegar a hora da intervenção para lhes pôr fim à vida...
.(...)
Gravidez, bem diz o povo, não é doença!". Não se engordem mais, e às custas de todos, os lucros dos que fazem do drama e do desespero dos outros fonte de negócio.
E o "drama das mulheres sujeitas à humilhação e ameaça de prisão"? Falácia. Fosse esse o problema e a liberalização teria de ser total e sem prazos. O que nem o SIM defende. A suposta humilhação e a dita ameaça continuará na lei, não só para quem aborte às onze semanas, como para quem aborte mesmo por motivos excepcionais já consagrados fora dos prazos previstos..
(…)
A moral católica só obriga os próprios. Além disso, ninguém pode ainda pensar que às dez semanas está a eliminar um monte de células vagamente indiferenciado! Em caso de dúvida, na primeira ecografia (entre as sete e as nove semanas) as mães vêem hoje os respectivos bebés com elementar clareza. Quando são desejados são as primeiras e exibir a primeira "fotografia do bebé". Nunca vi ninguém chamar-lhe imagem ecográfica do respectivo embrião. A nova vida não é ou deixa de ser conforme o interesse da altura dos progenitores."

Os "courts" de ténis...

...continuam no mesmo sítio! Apenas mudou a "entourage".

Nascidos num local bem espaçoso e onde apenas se previam construções desta índole, os Campos de Ténis ficaram bem depressa sufocados pela "ansia" da construção... com prédios de 10 pisos construídos ali mesmo, a 10 metros dos seus limites...


Setúbal, em 5 de Junho de 1973
.
Trinta e três anos depois, em 6 de Junho de 2006, e numa perspectiva contrária, eis como se apresentam agora os mesmos courts de ténis!

As fotos que se seguem foram obtidas a partir de um dos blocos de 10 andares construídos entre os campos de ténis e o Liceu.

Courts de Ténis, em 6 de Junho de 2006
O prédio de onde foi feita esta foto dista cerca de 10 metros
dos limites da área dos Campos de Tenis.
.

Os prédios envolventes sáo todos deste tipo...salvaguardam-se o Pavilhão da Sécil e a Piscina Municipal.

Fiamma Hasse Pais Brandão

15 de Agosto de 1938 / 19 de Janeiro de 2007

Fiamma Hasse Pais Brandão Público Digital

Chamou-me a atenção o nome pouco comum da autora.
Entre 1954 e 1956, talvez mais tarde, o Diário Popular, - que líamos à tardinha depois das aulas, por entre uns “abatanados” clarinhos e uns bolos de arroz na Pastelaria Cister, em frente da Faculdade de Ciências, na Politécnica -, publicava na penúltima página um pequeno conto de autor variável… Curto como convinha a quem tinha pouco tempo para perder.
Uma tarde dessas dei comigo a ler um conto de uma autora cujo nome achei esquisito: Fiamma Hasse Pais Brandão.

Fiamma faleceu ao princípio da noite da última sexta-feira, dia 19 de Janeiro.

Dela escreveu ontem no Público, Alexandra Lucas Coelho:

Serena, mas com a fúria de uma Ana Magnani ou da padeira de Aljubarrota. Inscrevia-se num "poema ininterrupto" desde a Idade Média. Tinha um conhecimento raro do que a precedia. É uma das vozes mais plenas e radicais da poesia portuguesa do século XX
.
“Mas o que há neste nome disse-o Eduardo Lourenço. Se a poesia é "a palavra infinita" que alude à matéria "sem jamais a poder colher", "a de Fiama, como um milagre, é a rosa mesma da realidade como uma chama" - "A que o seu nome mágico a predestinava."
.
Nascida a 15 de Agosto de 1938, Fiama Hasse Pais Brandão, uma das vozes mais plenas e radicais da poesia portuguesa do século XX, também dramaturga, ficcionista, ensaísta e tradutora, morreu ao princípio da noite de sexta-feira numa casa de repouso-clínica em Algés. Tinha a doença de Parkinson, acelerada por uma fractura há seis anos. Nos últimos tempos já não comunicava.”

A Obra Breve de Fiama termina em Agosto de 2000 junto ao mar do Algarve, com estes versos:
"Hoje,
meu dia, o coração e o dia rejubilam
."
(provavelmente no dia em que fez anos...)
.
Foi no último Verão de praia, ao lado de Gastão Cruz, poeta, ensaísta, primeiro marido, pai dos seus dois filhos e cúmplice até ao fim.
Conheceram-se na Faculdade de Letras de Lisboa no fim dos anos 50.
.
(…) Ela andara na St. Julliard School, onde Paula Rego foi uma das suas primeiras amigas. Havia sido uma brilhante aluna de liceu, de ganhar prémios nacionais.
.
Na faculdade (que nunca chegou a acabar), opta por Germânicas. A aventura poética começa em partilha. Publica o seu primeiro livro, Morfismos, na colectânea Poesia 61, que inclui Luiza Neto Jorge, Casimiro de Brito, Maria Teresa Horta e Gastão Cruz.
(…)
O ano seguinte é das greves estudantis, com centenas de estudantes presos, incluindo a serena Fiama. Serena mas segura, recorda Veiga Ferreira: "Uma PIDE chamada Madalena despejou-lhe a mala e ela disse-lhe: "Agora volte a pôr tudo lá dentro." Impunha a autoridade de uma forma veemente."E irritava-se", "um verbo que lhe vai bem", diz Jorge Silva Melo, que a conheceu anos depois. "Uma vez fui agredido por um colega no átrio da faculdade e ela veio desembestada, queria bater-lhe". Tinha aquele ar de senhora frágil, simbolista do fim do século XIX, mas era uma mulher de armas.

.
DOIS POEMAS

Natureza morta com louvadeus
.
Foi o último hóspede a sentar-se
o topo da mesa, já depois do martírio.
As asas magníficas haviam-lhe sido quebradas
por algum vento. Perdera o rumo
sobre a película cintilante de água
no riacho parado. Tal como poisou
junto de nós, com o belo corpo magro
arquejante, lembrava, ainda segundo o seu nome,
um santo mártir. Enquanto meditávamos,
a morte sobreveio, e a pequena criatura,
que viera partilhar a nossa mesa,
depois de ter sido banida das águas
foi banida da terra. Alguém pegou
no volúvel alado corpo morto
abandonado sem nexo na brancura da toalha
- que maculava -
e o atirou para qualquer arbusto raro
que o poeta ainda pôde fotografar.
.
Fiama Hasse Pais Brandão,
em Três Rostos, 1989
.
.
Os grous?
.
As viagens separam-nos do passado.
Se apenas viajássemos como grous,
sem reconhecer as nações debaixo da quilha do nosso esterno,
se não trocássemos os idiomas e as unhas
com os habitantes das novas geografias,
seríamos nós. Porque o idioma
é fechado e insondável em cada criatura,
porque cada nação é o berço de uma língua
e os meus poemas noutra língua não são meus.
Quando viajamos no mundo não sabemos quem fomos.
.
Fiama Hasse Pais Brandão,
em Cenas Vivas, 2000
.
(apontamentos retirados de Alexandra Lucas Coelho,
na edição digital do “Público” de 21.01.2007
que ontem não chegou a Setúbal…
Teria havido alguma “bronca”?!...)

21 janeiro 2007

João de Castelo Branco

Hoje é o meu dia...
21.01.1935 23:30

jjmatos

20 janeiro 2007

João Matos IV

O Joãozinho faz hoje 5 anos.
Parabéns!...
Uma grande bjka do Avô.


João Gonçalves Mendes de Matos

19 janeiro 2007

Setúbal de outros tempos

A travessa da Alfandega
.
Em 3 de Junho de 1970

18 janeiro 2007

As minhas fotos preferidas 7

Gaiata do Castelo Velho

Setúbal, em 10 de Maio de 1973