30 abril 2011

Férias de Verão

Foto de 1953, com as "meninas" dos Penedos Altos... nnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnn..

Por esta altura,as manas Bidarra, Gina, Cila e Bisa já tinham passado todas pelo Liceu de Castelo Branco

29 abril 2011

Heroínas...

Exposição no Museu Thyssen-Bornemisza
De 8 de Março a 5 de Junho


Alguns quadros expostos:


De John William Waterhouse - La bola de cristal. 1902
Colección Pérez Simón - México


De Edward Hopper - Habitacion de hotel, 1931
Museo Thyssen-Bornemisa - Madrid


De Berthe Morisot - Autoretrato, 1885
Musée Marmottan-Monet, Paris


De Gustav Adolph Henning - Muchacha leyendo, 1808
Museum der Bildenden Künst - Leipzig


De Peter Paul Rubens - Diana caçadora, c.1920
Museo Nacional del Prado - Madrid
. De Anselm Feuerbach - Ifigénia (segunda version), 1871
Staatsgalerie - Stuttgart .


Baronesa Thyssen
Rica. Irreverente. Frontal. Desconcertante. Assim é Cármen Thyssen a mulher que é viúva do barão Hans Heinrich von Yhyssen-Bornemisa.
(Segue um pequeno excerto de um texto da autoria do jornalista Nuno Ribeiro, saído no Público em 26 de Abril)
.
"No Thyssen de Madrid está patente a primeira parte da exposição Heroínas, uma mostra de obras sobre mulheres independentes, criadoras, dominadoras e triunfantes com quadros do século 19 à actualidade.
“nesta exposição identifico-me mais com a secção dedicada às mulheres guerreiras, porque o somos.”, admitiu a baronesa.
Ela foi-o e continua a sê-lo. O seu percurso atesta um desejo de independência. Desde jovem. Com 18 anos, na Espanha franquista de educação e costumes espartanos, ganhou o concurso de Miss Catalunha e, depois, o de Miss Espanha. Era bela e tinha, dizem as crónicas, um sorriso avassalador. Foi Miss Europa e terceira, em Miami, no concurso de Miss Universo..
A mesma rebeldia levou-a a outra… polémica. Desta vez com a Câmara da capital e o presidente Alberto Ruiz-Gallarrdon. Após vários pré avisos contra a remodelação do eixo Prado – Recoletos, que o arquitecto português Siza Vieira ganhou em concurso, em 5 de Maio de 2007, a baronesa acorrentou-se a uma árvore do jardim do Museu Thyssen. Imagem única. “Ecologista de Chanel”, ironizaram alguns. Mas protesto efectivo. Em 13 de Dezembro daquele ano, as partes assinaram o armistício: junto ao Thyssen só haverá três vias de trânsito em vez das cinco previstas. Sisa Vieira multiplicou-se em explicações, assegurando que o seu projecto não contemplava o derrube de árvores históricas. Contudo, da polémica, ficou a foto da propaganda…"
Nuno Ribeiro

Escrito na pedra...

No "Público"
em 29 04 2011
.
"Um arqueólogo é o melhor marido que uma mulher pode ter...Quanto mais ela envelhece mais interessado ele fica."
.
Agatha Christie
escritora britânica
1890 - 1976

Noite perdida...

Um poema de António Feijó


Coitado do rouxinol!
.
Passou a noite ao relento
do pôr ao nascer do Sol,
Sem descansar um momento,
Sempre a cantar, sem dormir,
Absorto no pensamento
De ver uma rosa abrir...
Coitado do rouxinol!
Passou a noite ao relento,
Do pôr ao nascer do Sol,
Sempre a cantar, sem dormir...
.
Mas o mísero, coitado!
Cantando tão requebrado,
Com tal cuidado velou,
Que adormeceu de cansado,
os olhos tristes cerrou
No minuto, no momento
Em que, ao luar e ao relento,
A rosa desabrochou...
.
Coitado do rouxinol!
.
Com tal cuidado velou,
Do pôr ao nascer do Sol,
E tanto, tanto cantou,
A noite inteira ao relento,
Que, de fadiga e tormento,
Sem descansar, sem dormir,
Fecha os olhos, perde o alento,
No minuto, no momento
Em que a rosa vai abrir...
.
Coitado do rouxinol!"
.
António Feijó

28 abril 2011

Humor antigo...

...com o traço de
Interlandi

Ei, ei!... Isso não é o seu guardanapo, senhor Barbosa!...

27 abril 2011

Universidade Católica - Gráficos Arrepiantes !!!...

Acompanhando uma série de “Gráficos Arrepiantes” emitidos pela Universidade Católica e que recebi esta noite, surge um “desabafo” curioso

"Depois de ter visto na TV os discursos dos principais responsáveis socialistas, tenho que concluir que tudo estava muito bem neste País, que apenas está com problemas desde que o PEC IV foi rejeitado, vivendo até aí na abundância, crescimento, sem desemprego, considerado e respeitado em todo o Mundo, conduzido por uma elite notável de governantes que são dados como exemplo na Europa!
OBRIGADO SOCIALISTAS
!
JÁ NÃO ARRANJAM MAIS DINHEIRO PARA GASTAREM? ARRANJEM, QUE OS PAROLOS DOS PORTUGUESES PAGARÃO TUDO.
.
Será que aqueles milhares de parolos que vi no congresso não têm vergonha de estar a aplaudir aquela cambada?

.
Sinto vergonha por eles..."
.
Também eu!!...

Entrevista com João Duque...

"Tivemos um primeiro-ministro insensato"
Por Cristina Ferreira e Rosa Soares


Prof.João Duque
.

"- Que avaliação faz da política do Governo para o sistema financeiro e mercado de capitais?

Não existiu política alguma para o mercado de capitais ou sistema financeiro. Simplesmente não houve. Eclipsou-se! Tivemos um ministro de Finanças a espremer-se entre o desespero de encontrar meios de financiamento para sustentar uma casa que é um sorvedouro, e as megalomanias de um primeiro-ministro insensato e alienado e que não lhe poupou a vida e o exauriu até ao tutano com teimosias.

Onde está a prometida reorganização do sistema financeiro que passava pela implementação do modelo de twin peaks? Ficou na gaveta.

Onde está a dinamização do mercado de capitais? Não se viu.

Onde está o apelo à poupança? Omisso..."

.Vale a pena ler toda a entrevista de que aqui deixo este pequeno excerto.Foi publicada hoje, dia 27 de Abril, no Público


.O economista João Duque é o presidente do Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG)

Poema de agradecimento à corja...

Um poema cheio de "oportunidade"...

Joaquim Pessoa

.

Obrigado, excelências. Obrigado por nos destruírem o sonho e a oportunidade de vivermos felizes e em paz.
Obrigado
pelo exemplo que se esforçam em nos dar
de como é possível viver
sem vergonha, sem respeito e sem dignidade.
Obrigado por nos roubarem. Por não nos perguntarem nada.
Por não nos darem explicações.
Obrigado por se orgulharem de nos tirar
as coisas por que lutámos e às quais temos direito
.
Obrigado por nos tirarem até o sono. E a tranquilidade.
E a alegria.
Obrigado pelo cinzentismo, pela depressão, pelo desespero.
Obrigado pela vossa mediocridade.
E obrigado por aquilo que podem e não querem fazer.
Obrigado por tudo o que não sabem e fingem saber.
Obrigado por transformarem o nosso coração numa sala de espera.
Obrigado por fazerem de cada um dos nossos dias
um dia menos interessante que o anterior.
Obrigado por nos exigirem mais do que podemos dar.
Obrigado por nos darem em troca quase nada.
Obrigado por não disfarçarem a cobiça, a corrupção, a indignidade.
Pelo chocante imerecimento da vossa comodidade
e da vossa felicidade adquirida a qualquer preço.
E pelo vosso vergonhoso descaramento.
Obrigado por nos ensinarem tudo o que nunca deveremos querer,
o que nunca deveremos fazer, o que nunca deveremos aceitar.
Obrigado por serem o que são.
Obrigado por serem como são.
Para que não sejamos também assim.
E para que possamos reconhecer facilmente
quem temos de rejeitar
.
.

Joaquim Pessoa

.

é um poema cheio de oportunidade...

Espero que todos saibam a quem deve ter sido "dedicado" este poema...

Depois será tempo de "lhes" pedir as "responsabilidades criminais" por tudo aquilo que nos fizeram nestes últimos anos!!...

26 abril 2011

O Henrique Neto é Socialista...

...mas não tem papas na língua!

. Henrique Neto

Uma vez, fui a um debate em Peniche, conhecia o Sócrates de vista. Isto antes do Governo Guterres. Não sabia muito de ambiente, mas tinha lido umas coisas, tinha formado a minha opinião. O Sócrates começou a falar e pensei: “Este gajo não percebe nada disto”. Mas ele falava com aquela propriedade com que ainda hoje fala, sobre aquilo de que não sabe. Eu, que nunca tinha ouvido o homem falar, pensei: “Este gajo é um aldrabão, é um vendedor de automóveis. Ainda hoje lhe chamo vendedor de automóveis".
.
"Quando se pôs a hipótese de ele vir a ser secretário-geral do PS, achei uma coisa indescritível. Era a selecção pela falta de qualidade. O PS tem muita gente de qualidade. Sempre achei que o PS entregue a um tipo como o Sócrates só podia dar asneira".
.
"Gosto muito de Portugal – se tiver uma paixão é Portugal – e não gosto de ninguém que dê cabo dele. O Sócrates está no topo da pirâmide dos que dão cabo disto. Entre o mal que faz e o bem que faz, com o Sócrates, a relação é desastrada".
.
"Há caras de que gostamos mais e outras menos, mas não me pesa assim tanto. Além do facto de que estou convencido de que ele não é sério, também noutros campos.

(...)Portanto, sei quem é o Sócrates num ambiente familiar. Sei que é um indivíduo que teve uma infância complicada, que é inseguro por força disso, que cobre a sua insegurança com a arrogância e com aquelas crispações. Mas um País não pode sofrer de coisas dessas".
.
"Escrevi uma carta ao Guterres, que foi publicada, em que lhe disse coisas que digo do Sócrates. Era deputado quando escrevi a carta, era da comissão política do Partido Socialista. Foi na fase de Pina Moura e daqueles descalabros todos. Na comissão política, estão publicadas algumas dessas coisas, [sobre] os negócios do Jorge Coelho e do Pina Moura. Depois de ter falado disso tudo em duas ou três reuniões e não ter acontecido nada, escrevi uma carta e mandei ao Guterres. Ele distribuiu a carta. No outro dia veio nos jornais. Era uma carta duríssima. Os problemas eram os mesmos, estávamos a caminhar mal, estávamos a enganar os portugueses, a dizer que a economia estava na maior, quando não era verdade.

."Quando o Pina Moura foi ministro das Finanças, uma senhora das Finanças instalou-se lá na empresa. Nunca contei isto. Encontrava-a no elevador, nunca falei com ela, “bom dia Sra. Drª”. Mas os meus homens contavam-me. Andou à procura, à procura, à procura como uma doida. Esteve lá alguns dois anos. As coisas não são impunes, a gente paga-as neste mundo. Disse o que quis do Pina Moura, da maioria desses gajos; era natural que se defendessem. Os seus colegas jornalistas muitas vezes foram ao Pina Moura com o que eu disse; e ele: “Não comento”. O Guterres também não comentava, e o Sócrates também não comenta. Aliás, quando faço uma intervenção ao pé dele fica histérico, não me pergunte porquê"...

(...)
Depois aparecem críticos como o Medina Carreira ou eu a chamar a atenção para a realidade do País – chamam-nos miserabilistas! E quando podem exercem pressão nos lugares onde estão esses críticos e se puderem impedir a sua promoção ou acesso aos meios de informação, não hesitam. Isto era o que se passava antes do 25 de Abril, agora passa-se em liberdade, condicionando as pessoas, e usando o medo que têm de perder o emprego. José Sócrates, na última Comissão Política do PS, defendeu a necessidade das severas medidas assumidas pelo Governo, mas também disse que era muito difícil cortar na despesa do Estado porque a base de apoio do PS está na Administração Pública. Disse-o lá, e pediu para isso a compreensão dos presentes. Não tenho nada contra José Sócrates. Se ele se limitasse a ser um vendedor de automóveis, ser-me ia indiferente. Mas ele é o primeiro-ministro e está a dar cabo do meu País. Não é o único, mas é o mais importante de todos".

.Esta entrevista de Henrique Neto a Anabela Mota Ribeiro foi editada no "Jornal Económico" já há uns tempos. As suas palavras de então ganham razão com o tempo... São cada vez mais actuais!...

24 abril 2011

Beira Baixa - 1963 - Abril

07/ Abril
O corpo do herói de Damão, Santiago de Carvalho, natural da nossa província foi sepultado na freguesia da Soalheira.
.
07/ Abril
Falecimento
Faleceu o sr.Dr.Lívio Lopes Ferreira, vítima de um brutal desastre na estação da C.P. de Castelo Branco. Causou a maior consternação em todo o Distrito, o brutal desastre, em consequência do qual faleceu, no passado dia 31, o sr.Dr. Lívio Lopes Ferreira, médico muito distinto e figura muito considerada em toda a Beira Baixa. (…) o brutal desastre causou a mais viva impressão, dadas as circunstâncias trágicas como ocorreu. Foi o sr.Dr.Lívio Lopes Ferreira acompanhar sua esposa srª D. Gabriela Pereira de Almeida Lopes Ferreira à estação da C.P. de Castelo Branco, a qual se dirigia a Lisboa onde ia ser submetida a uma intervenção cirúrgica e, no momento da despedida, ao descer da carruagem, com a composição já em andamento, deve ter escorregado, tendo sido apanhado pelo estribo da carruagem seguinte, pelo que foi trucidado pelo respectivo rodado que lhe decepou as pernas, causando-lhe outros graves ferimentos que lhe devem ter dado morte instantânea. Deixa o Dr.Lívio Lopes Ferreira viúva, a srª D.Gabriela Pereira de Almeida Lopes Ferreira e duas filhas do seu casamento, as sras. D.Maria da Graça Teixeira Maia, casada com o sr.Eng.Mário Pires Marques Maia, e a D.Maria de Lurdes Seabra Lopes Dias casada com o sr.Dr.José Pissarra Lopes Dias, Delegado de Saúde Adjunto, no nosso Distrito.Era irmão do sr.Higino Lopes Ferreira, comerciante na nossa cidade e cunhado dos srs. Drs. Jorge e José de Seabra, residentes no Porto.
.
07/ Abril
O sr.Ricardo Lumbrales foi vítima de um desastre de viação.
No passado dia 1, quando seguia de Coimbra a caminho de Lisboa, foi vítima de um desastre, por o veículo que conduzia ter chocado violentamente com uma camioneta, o nosso muito querido amigo e assinante, sr.Ricardo Adolfo Seguier da Costa Leite (Lumbrales), Director da Sicel. Sofreu fractura de uma perna pelo que deu entrada no Hospital da Universidade de Coimbra, onde se encontra internado.
.
14/ Abril
Cantares da Beira Baixa Marcelada (Marcha)
.
Eu venho di marcelada
Venho di colher loureiro
Lá nos campos do Castelo
Daqueli más Ramalheiro!
.
Vem di marcelada
Vem di marcelada!
.
Eu venho di marcelada
Venho di colher marcela
Lá, dos campos do Castelo
Daquela más amarela!
.
Vem di marcelada
Vem di marcelada!
.
Eu venho di marcelada
Venho di colher um cravo
Lá, nos campos do Castelo
Para dar ao namorado!
.
Vem di marcelada
Vem di marcelada!
.
Eu venho di marcelada
Venho di colher uma flori
Lá, nos campos do Castelo
Para dar ao meu amori!
.
Vem di marcelada
Vem di marcelada!
. …………….
Cancioneiro Monsantino…………….
por Eurico Sales Viana
.
14/ Abril
Sombras na Avenida!
Vai para três meses que os sete primeiros postes de iluminação da Avenida Marechal Carmona, a contar do nascente, e à direita de quem sobe, não petiscam! Há dezenas de lâmpadas eléctricas que, por essa cidade fora, não ferem luz! Resultado: sombras e desleixo… de quem? (mais uma crítica à HEAA…)
.
14/ Abril
Falecimento
Júlio Ribeiro Grilo
Na sua residência de Castelo Branco, faleceu com 85 anos, no passado dia 12, o sr.Júlio Ribeiro Grilo, natural da Sobreira Formosa, abastado proprietário que após alguna anos de estadia no Brasil, onde foi sócio fundador da empresa Grilo, Paz e Cª, e onde grangeou elevados bens e fortuna, regressou a Portugal, fixando residência em Monforte e, há alguns anos, em Castelo Branco. Era pai dos srs.João Neves Grilo, casado com a srªD.Maria do Carmo Wanderley Grilo, ausentes no Brasil, Silvério Neves Grilo, casado com a SrªD.Maria da Graça Melo Campos Neves Grilo, Júlio Neves Grilo casado com a SrªD.Maria Benedita Gorjão Maria Neves Grilo e da Srª.D.Maria Nogueira Neves Grilo, casada com o sr.Manuel Ferreira de Matos.
.
14/ Abril
Comparticipação para arruamentos urbanos. Através do Fundo do Desemprego foi concedida à Câmara Municipal de Castelo Branco, a comparticipação de 266.500$00, destinado a diversos arruamentos urbanos.
.
14/ Abril
Dr.Rui Penha
Durante a Sessão administrativa da Sociedade de Ciências Médicas – Secção de Otorinolaringologia, Audiologia e Fonologia, para eleição da respectiva direcção, foi o nosso muito estimado amigo e conterrâneo, Sr.Dr.Rui Penha, eleito para o cargo de Secretário adjunto.
.
21/ Abril
Cantares da Beira Baixa
A Margaça (modo di Balhar)
.
Eu julgava qu’a margaça
Qu’era mulher dalgum homem
Mas ela é ‘ma má erva
Nem os animais a comem.
.
Detrás do nosso Castelo
Corr’a água, nacem bredos;
Ond’istarás tu agora,
Arquinha dos meus segredos!
.
A margaça é ‘ma má erva
Ela mi pica na mão…
També a maldadi pica
Os homens no coração!
.
Anda cá si queris veri
Como é minh’álegria
Toda coberta di penas
Como anda a cotovia!
. …………….
Cancioneiro Monsantino…………….
por Eurico Sales Viana
.
21/ Abril
Dr.Henrique Mendes Carvalhão
A fim de tomar parte no IV Congresso Luso Espanhol de Cardiologia, deslocou-se à cida do Porto, onde se mantém até amanhã, o nosso muito estimado amigo e assinante, Sr.Dr.Henrique Mendes Carvalhão.
.
21/ Abril Quadro de Honra do Liceu Nacional de Castelo Branco. São os seguinte, os alunos do Liceu Nacional da Castelo Branco que, neste 2ºPeríodo, constam da Quadro de Honra daquele estabelecimento de Ensino Secundário: .....
7ºAno – Ciências José Manuel Martinho B.Marques .....
7ºAno – Letras Maria Lúcia Braga Dias .....
6ºAno Maria Arminda M de brito Clara Soares Nabais Maria Luisa Rebelo Correia Manuel Fernando P. Barata Manuel Sena da Cunha Pina Ezequiel Lopes Rafael José Alexandre Boavida Magro Beatriz Maria de Sousa Guedes .....
5ºAno António Alberto Monteiro Trindade Fernando José Moura de Brito José Manuel Romãozinho Sérgio da Silva Girão Maria José Martinho Sequeira. .....
4ºAno Amadeu de Oliveira P(eixoto) de Meneses Rui Manuel Correia de C. Taborda Ana Maria Pinheiro O.Guimarães Maria Filomena Matos Rosa .....
3ºAno Bernardino Garcia Páscoa Carlos Alberto Oliveira Joaquim Manuel Cabral P. Silva José Raínho Dias de Carvalho Maria Teresa Gil M, Silva Maria dos Santos Alves dos reis Isabel Martins Luís.
.
21/ Abril
Major José Guardado Moreira Por ter sido mobilizado para prestar serviço no Ultramar, deixou de exercer o cargo de 2ºComandante do Batalhão de Caçadores 6 e de Comandante Distrital da Legião Portuguesa, o nosso muito estimado amigo e assinante, Sr.Major José Guardado Moreira que nos enviou umj simpático ofício de despedida,
.
21/ Abril
Pedido de casamento
Pelos pais do noivo, Sr.Dr.Amadeu da Silva Leitão e sua esposa Srª.D.Maria da Luz Morais da Silva Leitão, realizou-se no passado dia 15, o pedido de casamento para seu filho Pedro de Morais da Silva Leitão, finalista do IST, da Srª.D.Maria da Graça Sanches Vaz Pardal, filha do nosso muito querido amigo e colaborador, Sr.Dr. Ulisses Vaz Pardal e de sua esposa Srª.D.Maria Amália Pestana Sanches Vaz Pardal.
.
21/ Abril
Até que enfim a subestação da Granja funciona… Segundo nos consta, já se encontra ligada à subestação da Granja, da Hidro Eléctrica do Alto Alentejo, uma zona da cidade. Diz-se também que, dentro de um mês, será feita a ligação à subestação, de toda a rede de Castelo Branco.
.
28/ Abril
A Torre e Espada foi concedida, a título póstumo ao Capitão Santiago de Carvalho.
O Chefe do Estado entregou no passada dia 24, no Palácio Nacional de Belém, à família do Capitão Saraiva de Carvalho que morreu heroicamente em defesa da Pátria, por ocasião da invasão do Estado Português da Índia, as insígnias do oficialato da Ordem Militar da Torre e Espada.
.
28/ Abril
Cantares da Beira Baixa
Senhora do Almurtão (cântico religioso)
.
Sinhora do Almurtão
Onde tendes a morada?
Na campanha da Idanha
Numa casa caleada!
.
Sinhora do Almurtão
Para lá eu vou andando.
Minha alma já lá’stá
Meu coração vai chegando!
.
Sinhora do Almurtão
Mandai sol que vai chover;
qui si molhem os vestidos Virgem,
di quem vos vem ver!
.
Sinhora do Almurtão
Qui tendes na mão aberta?
A alma duma donzela
Qui lh’a trouxeram d’oferta.
.
Sinhora do Almurtão
Quem vos deu o manto verdi
‘ma manina de Monsanto
Duma doença qui têvi!
.
Sinhora do Almurtão
Qui dais ó Vosso Manino?
Di manhã papinha doce
À noite Lête divino!
.
Sinhora do Almurtão
A vossa bênção me cubra
Tenho Mãe não tenho Pai
Sou filho duma viúva!
.
Sinhora do Almurtão
Meu coração cá vos fica
Preso ao vosso altar
Com var’i meia de fita.
.
Sinhora do Almurtão
Minhas costas vou voltari
Meu coração se vai rindo
Meus olhos vã a chorari!
. …………….
Cancioneiro Monsantino…………….
por Eurico Sales Viana
.
28/ Abril
Livro de finalistas do Liceu
Encontra-se publicado com caricaturas dos nossos muito estimados colaboradores Cruz Henriques e Vieira Lopes, o livro de Finalistas do 7ºAno, do Liceu da nossa cidade.

23 abril 2011

VPV é da minha opinião...

Hoje, em "Opinião", a sua coluna de Sábado, no "Público",Vasco Pulido Valente alinha na mesma onda... Vasco Pulido Valente.

"Marques Mendes lamentou a "brutal diferença" entre "o profissionalismo do PS" e "o amadorismo do PSD". Com absoluta razão. Fora o caso da candidatura de Fernando Nobre e do "telefonema-encontro", em que não vale a pena insistir, Pedro Passos Coelho passeia pelo país, deixando cair (presumo que por acaso) inconveniências, promessas, declarações programáticas, qualquer tralha que naquela altura lhe passa pela cabeça. O efeito geral é claramente o de um homem inseguro e fora de pé, ou seja, da espécie de indivíduo que os portugueses não querem agora a mandar neles. De resto, as sondagens mostram o CDS a crescer, o que não surpreende; e o Bloco a descer, o que também não surpreende. Não há milagres."

A diferença...

...entre os paízes pobres e os ricos.
.
A diferença é a atitude das pessoas moldada ao longo dos anos pela educação e pela cultura.
.
Nos paízes ricos e desenvolvidos, a grande maioria segue os seguintes princípios de vida:
1 . A ética, como princípio b+asico.
2 . A integridade
3 . A responsabilidade
4 . O respeito pelas leis e pelos regulamentos
5 . O respeito pelo direito dos outros cidadãos
6 . O amor ao trabalho
7 . O esforço pela poupança e pelo investimento
8 . O desejo da superação
9 . A pontualidade
.
Nos paízes pobres apenas uma minoria segue esses princípios básicos, na sua vida diária.
.
Não somos pobres porque nos faltam recursos naturais ou porque a natureza foi cruel connosco.
Somos pobres porque nos falta atitude.
Falta-nos vontade para cumprir e ensinar esses princípios de funcionamento de Sociedades ricas e desenvolvidas.
.
Somos assim, por querer levar vantagem sobre tudo e sobre todos.
Somos assim, por ver algo de errado e dizer "Deixa pra lá"...
Os nossos políticos têm atitudes pouco dignificantes.
Esbanjamos dinheiro em vaidades que faz falta para o essencial.
.
Somos pobres porque nos falta atitude.
(algures na net)

22 abril 2011

Na Sacristia da Catedral...

Foi bom voltar a Toledo e recordar algumas das muitas obras de arte que ali se encontram e lhe dão um imenso valor.
Ficaram, agora, bem mais vivas as imagens que Doménikos Theotokópoulos deixou na Igreja de Santo Tomé, o célebre Enterro do Conde de Orgaz, agora turisticamente bem mais resguardado...
Na Sacristia da Catedral, outras obras daquele pintor se mantêm maravilhosas, como São José e o Espólio do qual deixamos um breve apontamento.
O Espólio de Cristo é considerado por muitos autores a primeira "obra prima" de El Greco, ousada por tratar de um tema raramente adotado pela arte. El Greco representou Cristo ao centro, vestindo uma ampla túnica vermelha que apreende o olhar do espectador e, desta forma, destaca o personagem no meio da multidão que o cerca. A cor da túnica também tem um grande valor simbólico, na medida em que reafirma o martírio de Cristo.

O Espólio, de El Greco .


A Catedral de Toledo

Valeu a pena esta visita. Recordar as "coisas" de que gostámos também faz parte... e ajuda a "arrumar" a memória que o tempo, por vezes, tanto altera...

21 abril 2011

Os "passos falsos" de Passos...

Ele vai dar cabo do partido...
... e nem sequer vai perceber o conteúdo desta carta!!!
Passos Coelho vai é perder votos em "quantidades industriais"... e favorecer o "adversário" que se deve estar a rir com a "imberbidade" do "anjinho" que agora dirige os sociais-democratas...
.
...também, a estas horas, quem se deve estar a rir, de "orelha a orelha", é o Dr.Paulo Portas...
.
Esta carta de António Capucho foi escrita a 13 de Abril e enviada por email. Começa por contar o telefonema de Passos Coelho, na véspera.


António d' Orey Capucho


Caros amigos e Companheiros,
Tenho a obrigação moral e política de transmitir o seguinte ao Presidente e Vice-Presidentes do PSD-Cascais, ao Presidente da Câmara e aos Vereadores do PSD.
Fui ontem perguntado telefonicamente pelo Presidente do PSD sobre a minha disponibilidade para encabeçar uma lista à Assembleia da República e ser proposto para uma Vice-Presidência deste órgão de soberania.
Acrescentou que seria ele a encabeçar a candidatura ao Conselho de Estado, eventualmente Pinto Balsemão seria o segundo e depois se veria a possibilidade de me acrescentar à lista. Neste âmbito, referi-lhe a minha plena concordância com tais opções e que não levanto qualquer problema se ficar de fora, designadamente se o PSD tiver outra situação para acolher, seja a Manuela Ferreira Leite, o Luís Marques Mendes, ou outra personalidade de projecção equivalente
.
Quanto à Assembleia, recusei liminarmente apresentar-me às eleições se não tivesse subjacente a candidatura à respectiva Presidência, salvo se fosse entendido que um dos militantes que antes referi seria mais apropriado para o efeito. Mas não poderia aceitar ser Vice-Presidente de Fernando Nobre por uma questão de coerência. Se o Partido deseja a minha candidatura ao Parlamento não pode ignorar - desculpem a imodéstia - que fui Vice-Presidente do Parlamento Europeu, Ministro dos Assuntos Parlamentares e Líder Parlamentar, para além de todos os outros cargos que o meu curriculum atesta. Fui cabeça de lista em Setúbal e em Faro, ganhei eleições para o Parlamento Europeu contra o PS com João Cravinho, e obtive por três vezes mais de 50% dos votos nas eleições para a Câmara de Cascais.
Consequentemente, não aceito a minha secundarização face a alguém que não tem curriculum político minimamente comparável, sem ignorar, porém, as qualidades pessoais e o resultado eleitoral que conseguiu, mas que não me parece transferível para o PSD em termos significativos.
Assim, esclareci o Dr. Passos Coelho que, sem prejuízo da minha amizade pessoal com Fernando Nobre e até de lhe ser devedor de várias atenções (vai transferir para Cascais a sede da AMI e integrou a Comissão de Honra da minha candidatura), tenho reservas sobre o convite que lhe foi dirigido para encabeçar a lista de Lisboa e, muito em especial, discordo vivamente do convite para presidir à Assembleia da República.
Fernando Nobre é uma personalidade representativa da sociedade civil muito estimável e que admiro, nomeadamente pelo trabalho que tem desenvolvido na AMI, mas inconsistente politicamente, como abundantemente demonstrou na última campanha eleitoral e as televisões já começaram a evidenciar impiedosamente, relembrando algumas afirmações comprometedoras e as incoerências em que está a cair.
Nomeadamente penosa é a afirmação peremptória de que nunca seria candidato à Assembleia da República, invocando então razões de coerência e de independência. Por outro lado, não podemos esquecer que Fernando Nobre foi o mandatário da candidatura do BE ao Parlamento Europeu, nem podemos ignorar as posições deste Partido contrárias à União Europeia! Como é que agora pode integrar as listas de um Partido que defende a integração europeia, e ser proposto para segunda figura do Estado, sem que isso seja tomado como mais uma grave contradição e incoerência? Acresce que, durante a campanha presidencial, o candidato Fernando Nobre abundou nas críticas demagógicas e virulentas ao Presidente da República e aos Partidos.
De resto, tenho as maiores dúvidas que a inclusão de Fernando Nobre nas listas do PSD se traduza numa mais-valia eleitoral. Pelo contrário: o cidadão comum olha para esta operação como uma 'caça ao voto' e creio que a generalidade dos eleitores que nele apostaram estão à nossa esquerda e são críticos dos Partidos. Serão provavelmente poucos os que vão acompanhar o candidato nesta transumância. Basta atentar nas redes sociais bem como nos fóruns das televisões e das rádios, para concluirmos sobre a hostilidade muito generalizada à candidatura legislativa. Não é por acaso que a página de Fernando Nobre no Facebook foi encerrada... Os próximos dias vão provavelmente confirmar este crescendo crítico também nas nossas hostes, facto que me leva a acreditar que, com Fernando Nobre, é negativo o saldo entre os que captamos de novo para as listas do PSD e o conjunto dos nossos tradicionais apoiantes que se afastam, indignados com a opção em causa.
E não se diga que tenho qualquer reserva de fundo quanto ao alargamento das nossas listas a independentes representativos da sociedade civil. Ao longo da minha carreira política sempre me pronunciei nesse sentido e levei à concretização de muitas situações em conformidade, não só para a Assembleia, como para as Autarquias e até o Governo da República. Mas este caso é manifestamente desajustado e excessivo!
Mas, mais grave e chocante é o inexplicável compromisso de candidatar Fernando Nobre à Presidência da Assembleia (candidatura cujo desfecho está longe de ser garantido, mesmo com uma maioria parlamentar do PSD). Estamos a falar da segunda figura do Estado, que pode ser chamado em qualquer momento a substituir o Presidente da República, caso em que teríamos um político sem preparação e anti-europeísta no cargo cimeiro do Estado. Estamos a falar de um cargo que, para além das funções meramente protocolares, exige uma experiência parlamentar sólida (não é por acaso que sempre foram eleitos para o efeito personalidades com larga e consistente experiência política e parlamentar). Por outro lado, proporcionar a Fernando Nobre um mandato na Presidência da Assembleia, significa catapultá-lo para a candidatura seguinte à Presidência da República. Se ele decidir avançar, o PSD estará então em condições de lhe negar o apoio?
Provavelmente não, depois de o ter apoiado para segunda figura do Estado... E mesmo que o PSD decida apoiar outro candidato, com perfil mais adequado para suceder a Cavaco Silva, é evidente que terá pela frente em Fernando Nobre um adversário forte, por nós promovido.
Concedendo que é irreversível a inclusão como cabeça de lista de Lisboa, pergunto-me se, em lugar da polémica candidatura à Presidência da Assembleia, não seria mais adequado a abertura para uma pasta da área social no Governo e/ou a candidatura ao Conselho de Estado?
Qualquer das soluções adequa-se melhor ao perfil de Fernando Nobre!
Ainda estaremos a tempo deste ajustamento? Creio que o próprio Fernando Nobre, após conhecimento das reacções adversas que se multiplicam, nomeadamente vindas daqueles que nele confiaram, talvez queira repensar a situação!
Em suma, o PSD, preterindo militantes prestigiados e com perfil muito mais adequado para a Presidência da Assembleia, acolhe nas suas listas em lugar de destaque e com perspectivas de promoção a segunda figura do Estado, uma personalidade independente sem perfil adequado, muito polémica, sem consistência nem coerência política e de duvidosa atractividade eleitoral, tudo com o pretexto de alargar as listas a independentes e dar voz a um prestigiado representante da sociedade civil. Poucos serão os eleitores que acolhem esta justificação e muitos serão os que simplesmente classificam a operação como uma lamentável 'caça ao voto'.
Não posso pactuar com esta opção nem deixar-me subalternizar depois de tudo o que fiz nos passados 37 anos ao serviço do meu País e do PSD.
Prefiro ficar de fora.

Sem embargo, formulo votos sinceros de grande sucesso à candidatura do PSD à Assembleia da República. Tudo farei para que Pedro Passos Coelho seja o próximo Primeiro-Ministro de Portugal.
Com um abraço amigo,
António d' Orey Capucho

Romagens de Saudade....

7ªRomagem
em 17 06 1979

A Maria Onémia Carmona, a Rosita do Pombalinho e a Maria Gil Silveira

Humor antigo...

in. "Anedota Ilustrada" nº2 mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm

- Gostaria que você, Glória, administrasse o meu ordenado. Você consegue viver "tão apertada"...

20 abril 2011

Figueira da Foz...

...em finais da década de 50.


Ao fundo, na Avenida marginal, hoje Avenida de Abril, as instalações de uma bela piscina há pouco inaugurada...

19 abril 2011

Humor antigo...

...com o traço de F.Neyd

- Bem, agora ele já sabe o que é que uma mocinha como eu faz num lugar como este...

18 abril 2011

Escrito no vento...

"A mulher foi o segundo erro de Deus".mmmmmmmmm Friedrich Nietzsche

17 abril 2011

Humor antigo...

... com o traço de Buck Brown
A fada velha: - Eu te satisfiz três desejos, pô! Agora me satisfaz um... pelo menos!...

16 abril 2011

Escrito no vento...

"Os que falam bem das mulheres não as conhecem bastante e os que delas falam mal, menos ainda as conhecem…" mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm Pigault-Lebrun

15 abril 2011

Em Toledo...

...na Igreja de Santo Tomé. mmmmmmmmmm mmmmmmmm mmmmmmmmmm
O Enterro do Conde de Orgaz, de Doménikos Theotokópoulos - El Greco
mmm mmmmmmmmmmm mmmmmmmm mmmmmmmmm mmmmm Gonzalo Ruiz de Toledo era Senhor de Orgaz (e não conde, pois a vila de Orgaz não foi condado até 1522). Foi um homem piedoso e benfeitor da paróquia de Santo Tomé, sendo a igreja reedificada e ampliada em1300 às suas expensas. Ao falecer a 9 de Dezembro de 1323, deixou no seu testamento uma exigência que deviam cumprir os vizinhos da vila de Orgaz: pague-se cada ano para o cura, ministros e pobres da paróquia 2 carneiros, 8 pares de galinhas, 2 odres de vinho, 2 cargas de lenha, e 800 maravedis.mmmmmmmmmm mmmmmm mmmmmmmmmmmmm mmm Passados mais de 200 anos, em 1564, o pároco da Igreja de Santo Tomé, Andrés Núñez de Madrid, advertiu o descumprimento por parte dos habitantes da localidade toledana a continuarem entregando os bens estipulados no testamento do seu Senhor e reclamou frente da chancelaria de Valladolid. mmmmmmmmmmm mmmQuando por fim ganhou o pleito, em 1569, e recebeu o retido (soma considerável pelos muitos anos não pagos), quis perpetuar para as gerações vindouras o conde, Senhor da vila de Orgaz encomendando o epitáfio em latim que se encontra aos pés do quadro, no qual, além do pleito empreendido pelo pároco, relata o acontecimento prodigioso que aconteceu durante o enterro do Senhor de Orgaz, dois séculos antes. Esta tradição que existia em Toledo narra que em 1327, quando se transladaram os restos do Senhor de Orgaz desde o convento dos agostinhos até à paróquia de Santo Tomé, o mesmo Santo Agostinho e Santo Estêvão desceram do céu para colocar com as suas próprias mãos o corpo na sepultura, enquanto os admirados assistentes escutavam uma voz que dizia “Tal galardão recebe quem a Deus e aos seus santos serve”. . mmmmmmm mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm m Espero ter a oportunidade, dentro de dias, de voltar à Igreja de Santo Tomé para ver de novo esta peça magnífica de El Greco.

14 abril 2011

Os pinheiros de Vanicelos...

...estão agora no seu melhor! mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm
Foto obtida em 4 da Abril

13 abril 2011

Em 12 de Abril, ontem, a tradição esteve presente...

... o almoço da Páscoa no "Liceu de Setúbal" vai-se mantendo. De entre os muitos professores presentes, actuais e aposentados, um pequeno grupo fica aqui assinalado... para memória futura. A boa disposição parece evidente mmmmmmmmmmmmmmmm
1ªfila - o António Aurélio, a Ana Arruda, a D.Zelinda (que nos preparou um belo almoço com todo o seu saber de experiência feito...),a Manuela Carvalho e a Carla Ramalho.

2ªfila - a Luisa Abreu, o jjmatos (ap), a Alexandra Godinho, a psicóloga Ana Domingos, a Luisa Neto, a Teresa Lima(ap) e a Alexandra Lemos Cabral.

3ªfila - o Rui Branco,a Ana Figueiredo, o Jorge Serra(ap), o Manuel Rosa(ap), o José Flórido, a Teresa Loução, o José Manuel Moreira(ap) e a Ana Teresa Abrunhosa.

.

Uma bela "equipa"...

Humor antigo...

...nas "Repúblicas" sul americanas.

- Eu sei que é um pouco fora do comum, señorita, mas... nesre caso, é o pelotão de fuzilamento que quer fazer um último pedido...

12 abril 2011

Escrito no vento…

"A principal causa dos problemas do mundo de hoje é que os obtusos estão seguríssimos de si, enquanto que os inteligentes estão cheios de dúvidas". mmmm Bertrand Russel

11 abril 2011

Humor antigo...

...com o traço de Amilby mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm
- Antes de prosseguirmos nesta caminhada, acho que é nossa obrigação dar os mais sinceros parabéns ao comandante Huckermacher.

10 abril 2011

Recordações...

Fotografia obtida 20 07 2002 hhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh

A Gi e o sobrinho João

09 abril 2011

Beira Baixa - 1963 - Março

Uma alteração no sistema que não permite manter os "parágrafos" na escrita, impede a apresentação normal deste "post". O problema generaliza-se a todos os textos que já estão preparados para publicação. Espero poder resolver este "sarilho"... com alguma brevidade...............

.

03/ Março

O Centro Artístico Albicastrense festejou o seu 55ºAniversário. . .

A sessão solene teve lugar no magnífico Salão de Festas que, para o efeito, se encontrava vistosamente engalanado, foi presidida pelo Governador Civil do Distrito, sr.Dr.Simplício Barreto Magro. Entre as entidades oficiais destacamos os srs.Dr.Alberto Trindade, Governador Civil substituto e Presidente da Junta Distrital, o Dr.Leal Ferreira, do INTP, Dr.António Queiroz Ribeiro, Director da Escola Técnica, Dr.José Catana Diogo, Reitor do Liceu, Cor. Américo Chamiço Heitor, Comandante Militar, Cap. João José Marques da Silva, Comandante da GNR, Manuel de Jesus Mendes, Director Escolar, José Duarte Marques Vilela, Vereador da Câmara e Comandante dos Bombeiros, Rev Padre Nuno Semedo e, ainda, o sr.Albertino Vaz de Carvalho, chefe de secção da Hidro Eléctrica do Alto Alentejo e Presidente da Assembleia Geral do Centro Artístico. Hoje estou entre gente da minha terra e que alegria eu sinto nisso.” Palavras do Sr.Governador Civil.

.

03/ Março

Nascimento

Na residência de seus pais, em Castelo Branco, deu à luz uma criança do sexo feminino, no passado dia 20, a Srª.D.Beatriz Fradique de Sousa Vidal Pereira Monteiro, esposa do nosso muito estimado colaborador sr.Dr.José Alberto Pereira Monteiro, chefe de secção do Ministério do Ultramar. . 10/ Março Na 1ª página, um artigo intitulado “Ite missa est”, assinado por Diogo Freitas do Amaral. . 10/ Março “Uma colecção de postais sobre Castelo Branco que muito honra a cidade” “Foi com inegável alegria que acolhemos a admirável colecção de postais coloridos, da nossa cidade, editada pela Livraria Elias Garcia e que, estamos certos, dada a sua categoria artística, constituirão um êxito…”

.

17/ Março

Na 1ªPágina, com destaque: Consta-nos que estão a ser entabuladas diligências para que se não perca a portada nobre da Cerca do Solar dos Viscondes de Oleiros e que está a ser estudada a sua futura localização em sítio onde fique valorizada tão interessante peça arquitectónica.

.

17/ Março

Os passeios da Avenida 28 de Maio

Já começaram os trabalhos de pavimentação desta Avenida, coisa em tempos reclamada por este semanário, parecendo que o arranjo irá ficar bastante interessante. Tudo chega se a vida dura!

.

17/ Março

Anúncio

Pensão Portugal A nova gerente e proprietária desta Pensão bem central, aceita viajantes, comensais e excursionistas a preços módicos. Cozinha regional. Praça do Rei D.José, 21 Telef.1054 – Castelo Branco.

.

17/ Março

Campeonato de Voleibol da M.P.F.

Estão a disputar-se os campeonatos de Voleibol da Ala de Castelo Branco, no Ginásio do Liceu da nossa Cidade. Em Juniores, o Liceu venceu a equipa da escola Industrial e Comercial Na prova de Cadetes apresentaram-se as equipas do Liceu, Escola Técnica e Colégio de Nossa Senhora de Fátima. A Escola Industrial e Comercial eliminou a equipa do Liceu e foi vencida na final pela equipa do Colégio de Nossa Senhora de Fátima. A classificação foi, portanto, a seguinte: 1º Colégio de Nossa Senhora de Fátima 2º Escola Industrial e Comercial 3º Liceu Estão apurados campeões da Ala, as equipas do Liceu (Centro nº1),a do Colégio de Nossa Senhora de Fátima (Centro nº3), prosseguindo os campeonatos em 17 e 24 do corrente, ao nível Distrital e de Zona.

.

17/ Março

José Estêvão Cordovil Encontra-se doente há já alguns dias, o nosso muito quierido amigo e assinante, sr.José Estêvão Cordovil. Director Geral da Sicel, a quem Beira Baixa deseja um rápido e completo restabelecimento.

.

24/ Março

“O custo da energia eléctrica” Mais uma tacada no fornecimento de energia eléctrica, pela Hidro Eléctrica do Salto Alentejo. “São bem conhecidas as medidas adoptadas pela Companhia para forçarem o aumento das tarifas. Luzes a apagarem-se todas as noites, ocasionando prejuízos de toda a ordem, cidades, vilas e aldeias às escuras por mais ou menos tempo, em muitos dias consecutivos, fábricas paralisadas por falta de corrente, pessoal de braços cruzados à espera da indispensável energia.”

.

24/ Março

Falecimento

José dos Santos Vicente No passado dia 20, falecei inesperadamente em Parede, o nosso muito estimado amigo e assinante, sr.José dos Santos Vicente, de 56 anos, natural de Castelo Branco, casado com a D.Lucinda Marques Vicente, pai do Sr.João José Marques Vicente e das D.Maria Filomena Marques Vicente Pessoa e irmão do Sr.Francisco dos Santos Vicente e do Dr.Emídio dos Santos Vicente. O funeral realizou-se no dia 21 para o cemitério de S.Domingos de Rana

.

24/ Março

Serão Cultural da MPF

Realizou-se no passado dia 18, no Ginásio do Liceu, um serão cultural da MPF, destacando-se entre a numerosa assistência a presença dos srs.Governador Civil, Presidente da Câmara, Reitor do Liceu, Director da Escola Comercial e de mais professores dos diversos Estabelecimentos de Ensino da nossa cidade. Após ter sido tocado o hino da MP, os alunos do 4ºAno recitaram dois poemas de José Régio, “A uma criança” e “Epigrama elegíaco”, declamados respectivamente por Maria de Fátima Fernandes e Maria Alice Figueiredo. Nesta 1ªparte actuaram também as alunas Maria José Rafael e Isabel Maria Queiroz, aquela declamando um poema de sua autoria, ”Súplica” e esta recitando “Coisas do Arco da Velha”. A 2ªparte foi totalmente preenchida pela peça em um acto “A gata borralheira” da autoria da professora Srª D.Vigínia Gersão. Interpretada por alunos do 1º, 3º. 4º, 5º e 6ºanos. Uma nota especial de simpatia para Angélica Capelo pela sua interpretação no papel de “Gata Borralheira”. A 3ªparte abriu com o já conhecido dueto “A Rita e o Manecas”, interpretado pelas alunas Maria Alice Figueiredo e Maria José Rafael, do 4º e 6ºanos, respectivamente. Seguiu-se a exibição do Grupo de Danças Regionais do Liceu que, acompanhado por Cristiano Semedo ao acordeon se houve com bastante acerto.

.

24/ Março

Arderam totalmente os escritórios da Fábrica de Refrigerantes Castraleuca.

“Os bombeiros pouco puderam fazer dado que o incêndio deve ter tido início bastantes horas antes, pelo que estes se limitaram aos trabalhos de rescaldo.

.

31/ Março

Foi condecorado com a Medalha de Ouro e promovido a título póstumo, o Tenente Santiago de Carvalho.

.

31/ Março

Na Assembleia Nacional

Requerimento do deputado sr.Dr.António Martins da Cruz sobre o contrato de fornecimento de energia eléctrica a Castelo Branco.

.

31/ Março

A subestação da Granja é hoje ligada a título experimental. Se não houver nenhum motivo de força maior em contrário, a nova Subestação da Granja, da Hidro Eléctrica do Alto Alentejo será ligada a título experimental, pelo que será suspenso o fornecimento de energia, das 7 às 16 horas.

.

31/ Março

Faleceu ontem o Dr.António Correia

Chega-nos a notícia do falecimento, na madrugada de ontem, na Casa de Saúde de Espinho, onde fora submetido a uma operação cirúrgica, o nosso muito estimado amigo e assinante, sr.Dr.António Correia, vereador do Município de Castelo Branco.