31 outubro 2010

Romagens de Saudade... 1979

7ª Romagem de Saudade
em 15 06 1976

No Jantar de Despedida
António José Pires Antunes, Rui Versos, José Faria Gregório e
João Ramalho Eanes

30 outubro 2010

Um poema de Eugénio de Andrade...


Começou num livro, tal como começam muitas coisas.
Um dia, Hipólito Clemente, da Livraria Opinião (já falecido, tal como a livraria) mostrou a Júlio Pereira um livro que Eugénio de Andrade escrevera a pensar nas crianças: “Aquela nuvem e outras” (1986).
Ele leu-o e parou, extasiado, num dos poemas que recorda agora como “um diálogo entre uma nuvem e um puto”.

Eugénio de Andrade

Vale a pena citá-lo na íntegra:
.
-- É tão bom ser nuvem
ter um corpo leve,
e passar passar.
-- Leva-me contigo, quero ver Granada,
quero ver o mar.
-- Granada é longe, o mar é distante,
não podes voar.
-- Para que te serve
ser nuvem, se não
me podes levar?
-- Serve para te ver.
E passar, passar.

29 outubro 2010

Escrito no vento...

"...quem ama não vê defeitos... Quem odeia não vê qualidades... Quem é amigo vê as duas coisas."
.
algures no Facebook
16.10.2010

28 outubro 2010

Escrito na pedra...

No "Público"
28.10.10
.
"Há uma hora de partida mesmo quando não há lugar certo para ir."
.
Tennessee Williams
dramaturgo norte-americano
1914 - 1983

Romagens de Saudade... 1971

5ª Romagem de Saudade
em 22 05 1971

No sentido dos ponteiros do relógio, a partir do 1ºplano:
Fernando Jacinto Ribeiro, Belo, António Tavares, Armindo Taborda, M.Taborda, Rato, NN, Vitor Ambrósio, António Teixeira Gil, Belarmina Gil, jjmatos e Luis Marçal Grilo.

27 outubro 2010

Setubalense - 1961 - Julho

1 de Julho
Abriu ontem à tarde, no Museu de Setúbal, constituindo um acontecimento de especial relevo, a Exposição de Pintura dos artistas D. Alda Machado dos Santos e Fernando Santos.
.
5 de Julho
Prof. Cristovão Silva
Durante um jogo de futebol realizado na "Sécil", no passado sábado, entre dois grupos amigos que todos os anos lhe prestam homenagem no final do Curso de Ginástica que dirige, foi vítima de queda desastrosa e sofreu fractura do punho direito. A gravidade da lesão fê-lo recolher ao Hospital
.
10 de Julho
Cultura
O Eng. João Borba foi nomeado Director do Museu da Cidade.
.
12 de Julho
Estádio do Vitória
Foram apresentadas as propostas para a sua construção.
Proposta da Somec - 4.850.000$00
Proposta de Américo Januário - 2.778.018$00
Para a construção da bancada central e laterais, camarotes, cobertura, escadas de acesso, bares e sanitários.
Para os trabalhos atrás referidos e mais a construção das instalações de peões com sanitários. escadas de acesso e arranque dos pilares até ao nível do
penúltimo degrau:
Proposta da Somec - 5.410.000$00
Proposta de Américo Januário - 3.820.251$00
.
15 de Julho
O Liceu de Setúbal passa a ter o 3º Ciclo completo
O Liceu de Setúbal que no ano lectivo que findou com uma população escolar de 1020 alunos, passa a ter finalmente, completo o 3º Ciclo, pois acaba de ser superiormente autorizado o funcionamento da alínea b) para os alunos que tencionam dedicar-se aos estudos em Filologia Germânica.
Se é motivo de regozijo para todos, esta notícia, está verdadeiramente de parabéns o Reitor daquele estabelecimento de ensino, Sr. Dr. José de Mendonça e Costa, a cuja perseverança e permanente preocupação de prestigiar o seu, o nosso Liceu, se deve essencialmente a regalia agora obtida.
.
15 de Julho
Pânico na Praia da Figueirinha
Pouco depois das 10 horas de ontem, dois jactos da Força Aérea Portuguesa estabeleceram o pânico na tranquila Figueirinha.
...os pilotos resolveram voar a pouca altura, sobre a praia, o que fizeram de forma alucinante e aterradora.
.
19 de Julho
Óbito
Morre em Setúbal, com 74 anos, o sr. Augusto Carlos Rodrigues, antigo agente de jornais, muito conhecido por "Pardal".
.
19 de Julho
Câmara Municipal
Foi já adjudicada a obra que prolonga a Estrada da Graça até ao Moinho Novo (Mitrena)
.
19 de Julho
Vitória FC
Miguel na lista das transferências
.
24 de Julho
Casamento
Na maior intimidade realizou-se no pretérito sábado o casamento da Sr.ª D. Maria Virgínia Pitta Bastos... com o Sr. Dr. Armando Nogueira Seco.
.
24 de Julho
PSP
O Ten. Martins de Carvalho assumiu o comando da PSP, no passado sábado (22.07.1961)
.
24 de Julho
Notícias pessoais
Com boa classificação terminou o seu curso de Engenharia de minas o Sr. Eng. José Francisco Faria.
.
26 de Julho
Notícias pessoais
Henrique Soudo despede-se dos amigos, clientes e colegas, em virtude da sua partida inesperada para o Ultramar.
.
29 de Julho
Vitória FC
Os sócios do Vitória FC autorizaram a hipoteca do Campo dos Arcos, apreciaram o Relatório e Contas e elegeram os novos Corpos Gerentes.
Assembleia-Geral
Presidente - Dr. Manuel Seabra Carqueijeiro
V. Presidente - Dr. Manuel Mário Tomé Carqueijeiro
Secretário - Rui Cândido
Secretário - Carlos Ferreira


Direcção
Presidente - Virgílio Saraiva Fernandes
V. Presidente - Dr. Gonçalo Vaz Pinto
V. Presidente - Fernando Batalha Lopes Pedrosa
Secretário - Sérgio Pintado
Secretário - João A. Oliveira
Tesoureiro - Dr. Manuel José Constantino de Goes
Vogal - Júlio da Silva Tavares
Vogal - Daniel da Silva Frixell
Vogal - Carlos José Pinto
Vogal - António José da Silva
Vogal - Manuel Fernando Madeira Lopes
Substituto - Dr. Vitor Manuel Rodrigues Dias
Substituto - Dr. José O'Neill
Substituto - João Lúcio Monteiro
Substituto - Luís Filipe da Silva Gomes

Conselho Fiscal
Presidente - Eng. Humberto Sant'Ana Ferreira da Cunha
Secretário - Amadeu A. A. Ferreira
Relator - Manuel José de Jesus
Substituto - José Alves Cândido
Substituto - José Manuel da Cruz
.
29 de Julho
Câmara Municipal
O alargamento da Travessa da Alfandega
A Câmara deliberou adquirir à Sr.ª D. Aida Valido Pedroso, pelo preço de 180 contos, um prédio urbano situado na Travessa da Alfandega, necessário ao alargamento da referida artéria.
.
PSP
Comissário Eugénio Lopes Lobato
O antigo chefe da Polícia de Setúbal foi colocado em Beja como Comissário da PSP.
.
31 de Julho
Caça submarina
Décio Gomes, do CAIMF, conquistou o 1ºlugar, na 1ªjornada do Campeonato Nacional, realizado ontem em Sesimbra.
O CAIMF classificou-se em 2ºlugar por equipas.


26 outubro 2010

As "bonecas" de René Caillé...

Humor antigo
com o traço
de René Caillé.

- Se for o meu marido, primeiro traga-me a bóia!...

25 outubro 2010

Memória recente...

2º Aniversário
25 Out 2008

Maria de Lurdes Macedo Mendes de Matos

R.I.P.

24 outubro 2010

Uma sessão memorável...

Lisboa
rua das Portas de Santo Antáo, 100
17h 30
.
"A vida de José Branco mudou no dia em que entrou naquela aldeia perdida no coração de África e se deparou com o terrível segredo. O médico tinha ido viver na década de 1960 para Moçambique, onde, confrontado com inúmeros problemas sanitários, teve uma ideia revolucionária: criar o Serviço Médico Aéreo. No seu pequeno avião, José cruza diariamente um vasto território para levar ajuda aos recantos mais longínquos da província. O seu trabalho depressa atrai as atenções e o médico que chega do céu vestido de branco transforma-se numa lenda no mato.
Chamam-lhe O Anjo Branco.
Mas a guerra colonial rebenta e um dia, no decurso de mais uma missão sanitária, José cruza-se com aquele que se vai tornar o mais aterrador segredo de Portugal no Ultramar."



José Rodrigues dos Santos
o autor e filho do Dr. José da Paz Rodrigues dos Santos
ou José Branco (no livro)



A mesa, no centro do grande e bonito salão
da Sociedade de Geografia de Lisboa



A introdução à cerimónia de lançamento do romance
O Anjo Branco, foi feita pelo autor.
Mais de 500 pessoas ouviram com atenção.
.

Coube ao jornalista Joaquim Furtado fazer a apresentação do livro.
.
No final da sessão, José Rodrigues dos Santos deixou-se fotografar
na companhia de muitos amigos e familiares.
"Foi uma autêntica reunião familiar, o lançamento do novo livro de José Rodrigues dos Santos, O Anjo Branco. Apresentado ontem, na Sociedade de Geografia, em Lisboa, o pivô da RTP contou com a presença e o apoio da mulher, Florbela, da mãe, Manuela, do irmão, João, dos três jovens sobrinhos e do primo Carlos. "Estou emocionado neste dia, com a forma como a sala encheu", começou por afirmar o jornalista e escritor, perante as cerca de 500 pessoas que praticamente esgotaram a sala de apresentação."
Rodrigues do Santos com a Mãe
.
Só depois, ao fim de bastante tempo, o autor se entregou à sessão
de autógrafos que se seguiu. Mais 400 leitores aguardaram com a maior das paciências o início desta "cerimónia".
Um "mar de gente" envolvia, há mais de meia hora, a mesa onde se sentou o autor de "O Anjo Branco"...
Deve ser "desesperante" para um autor ver uma "multidão" daquelas, à sua espera apenas para obter, no dia próprio, o autógrafo desejado.
Mas ele sabe que a vida é feita de sacrifícios...

José Rodrigues dos Santos até parece estar sozinho...

Nuno Cardoso, já hoje, escreveu no DN:
"O Anjo Branco, o romance inspirado na vida e obra do seu pai, José Paz Rodrigues dos Santos, um dos médicos responsáveis pela assistência sanitária à população de Tete, em plena Guerra Colonial, foi o ponto de partida para ontem recordar o seu pai. O factor familiar está, de resto, presente no livro, uma vez que as personagens foram inspiradas em vários familiares do jornalista."Para quê inventar uma história, se tenho na minha família uma extraordinária? Um romance vive das pequenas histórias que não podemos encontrar nos livros de História", questionou José Rodrigues dos Santos, enquanto mostrava várias fotografias de criança, com o seu pai, tiradas em Moçambique, na década de 60.
A cargo da apresentação do livro de 678 páginas esteve Joaquim Furtado, colega mas também grande amigo do escritor. "O Joaquim foi o primeiro director de informação que tive, que tomou sempre a escolha certa", afirmou. José Rodrigues dos Santos não deixou, no entanto, de criticar a estação pública durante a apresentação. "Na RTP, o Joaquim nunca foi valorizado. Deve-lhe uma homenagem e esta é a minha", acrescentou ainda.
.
De volta a Setúbal, enquanto esperava a partida e durante a viagem que fiz de combóio, li já umas boas páginas deste romance "pré-natalício" que a Editora achou por bem lançar agora. Ainda estou em 1940... ao pé da Torre de Belém, na Exposição do Mundo Portuguès... Desejo-lhes que a "crise" não perturbe muito... e espero até que a edição esgote bem depressa.

Alte Pinakothek

O Duque Alberto V da Baviera
Hans Muelich (ou Mielich)
1516 – 1573

.

O Duque Alberto V da Baviera
.
Muelich aprendeu a pintar com o pai, Wolfgang, autor de obras de pequeno formato, cuja oficina atingira, em 1525, aproximadamente, o seu apogeu, depois da chegada à cidade de Barthem Beham, expulso de Nuremberga em consequência de uma acusação de heresia. Hans Muelich foi não só discípulo de Beham, mas também de Altdorfer, perto do qual habitou em Ratisbona, em 1536. Como Beham, efectuou uma viagem a Itália que o levou a Roma. O duque Alberto V da Baviera, que reinou de 1550 a 1579, encarregou-o de pegar nas jóias que lhe pertenciam e confiá-las à memória dos vindouros pintando-as a aguarela. O Pintor não se distinguiu menos nesse trabalho artesanal do que nos retratos.
O quadro provém da colecção ducal e apresenta o duque, denominado o Magnânimo, numa pose que trai o modelo do maneirismo italiano: tanto mais humana e problemática se faz a fisionomia do duque quanto maior importância se atribui aos faustosos sinais da dignidade principesca.
.
Cfr. Hermann Bauer
In “Grandes Museus do Mundo
Ed.Verbo – Setembro/1973

23 outubro 2010

As "garotas" de René Caillé...

Humor antigo
com o traço
de René Caillé

- Bem, querido, como amanhã é o dia dos teus anos, eu faço
a limpeza da casa, valeu?!...

22 outubro 2010

Uma caricatura do Dr. Carriço...

...da autoria de Amado Ramos Estriga,
num Salão de Estética da Mocidade Portuguesa,
no Ginásio do Liceu Nun' Álvares, em 1949(?)
.
Lembro-me perfeitamente desta caricatura exposta numa das muitas mesas espalhadas por aquele ginásio do Liceu de Castelo Branco, em Maio de 1948 ou 1949(?).
.
Já sabíamos, por essa altura, que o Estriga era um "artista", neste tipo de desenho, mas a confirmação veio com esta caricatura magnífica que exprimia, da melhor maneira, não só o estilo do autor mas, principalmente, os traços fisionómicos do Dr. António Carriço. Não era possível fazer melhor...
.
Nunca mais tinha visto esta caricatura mas logo a recordei mal a voltei a ver agora.
Lembro-me exactamente do local, no ginásio, onde ela esteve exposta durante a aquele Salão de Estética em 1949... Obrigado, Isabel, por esta tão boa recordação de há tantos anos... São duas figuras que marcaram e ficam ligadas à cidade de Castelo Branco.


O Dr. Carriço era mesmo assim...
desenhado pelo Estriga em menos de vinte traços!

.

O autor Amado Ramos Estriga


"João José
(...)
Nas arrumações na casa onde vivo actualmente, encontrei esta caricatura do meu Pai feita pelo nosso amigo Amado Estriga há tantos anos...
O meu Pai tinha nessa altura 35 anos, os meus filhos têm 39 e 40 anos, como os tempos eram diferentes...
(...)

Os meus cumprimentos
Até sempre
Isabel Carriço"

.

21 outubro 2010

Parabéns!... 21 de Outubro

A Luisa Abreu faz anos hoje...
Parabéns!... E um dia em cheio... (de prendas)


Maria Luisa Duarte Gomes Abreu

20 outubro 2010

Beira Baixa - 1962 - Julho

01/Julho/62
O Palácio da Justiça no centro da cidade?!
- Mas que tremendíssimo mau gosto!...”
É o título de um artigo de José Vieira Lopes.
Mais uma vez este “jornalista” errou nas suas previsões!...
.
01/Julho/62
O Dr. Antunes Valente
Conquistou o “Prémio António Enes” instituído pelo SNI (Secretariado Nacional de Informação) para a Imprensa Regional.
“Como largamente foi noticiado na imprensa diária, o jornalista Dr. Domingos Antunes Valente foi premiado pelo Secretariado Nacional de Informação com o Prémio António Enes e atribuído anualmente ao jornalista que, na imprensa regional, melhor trate de temas ultramarinos. O colaborador do nosso colega “Reconquista” concorreu a esse prémio em concorrência com dezenas de jornalistas da Metrópole, tendo sido o vencedor”.
.
01/Julho/62
Assembleia-Geral do Sport Benfica e Castelo Branco.
Foi muito proveitosa a sessão para a vida dificultosa do Clube.
Na sede do Centro Artístico Albicastrense, cedida para o efeito, realizou-se na passada segunda-feira, a anunciada Assembleia-Geral Extraordinária daquele clube desportivo, para tratar dos seguintes assuntos:
1º. Apreciação e discussão da solução económica do clube.
2º. Aquisição e dispensa de jogadores.
3º. Aquisição de treinador.
4º. Qualquer outro assunto de interesse para o clube.
Presidiu o Presidente da Assembleia-Geral, Dr. Martins da Cruz, secretariado pelos Srs. Rui Nunes Blasco e Ricardo Machado Gouveia(…)
Foram designadas várias Comissões que exercerão interessantes actividades.
A ideia que a Direcção do Sport Benfica e Castelo Branco apresentou à Assembleia foi a seguinte:
Constituírem-se várias Comissões que em colaboração com a Direcção angariassem meios de sobrevivência para o Clube, que ficariam assim denominados:
Comissão de recuperação e angariação de sócios;
Comissão encarregada de conseguir 200 sócios com cota extraordinária de 100 escudos mensais.
Comissão destinada a organizar um Peditório…
.
01/Julho/62
Carne de Vaca - Tabela de venda ao Público.
É a seguinte a tabela em vigor dos preços máximos de venda de carne de vaca, no Distrito de Castelo Branco:
.
Lombo - 32$00
.
1ª Categoria - pojadouro, coberta do pojadouro, alcatra, vazia, rabadilha,
acém redondo, , acém comprido, chã de fora e cheio, agulha, espelho e sete da pá:
Sem osso - 30$00
Com osso - 23$00
.
2ª Categoria – restos da pá coberta do acém, aba grossa, cachaço, peito alto, chambões, prego do peito, aba delgada, aba das costelas e rabo.
Sem osso - 20$00
Com osso - 16$00
.
Língua limpa - 30$00
Rim limpo - 28$00
Gordura - 4$00
Ossos - 2$00
.
08/Julho/62
O acto de transmissão de poderes no Governo Civil
No Salão Nobre dos Paços do Concelho realizou-se, no passado dia 2, momentos após a homenagem prestada pelos Municípios do Distrito ao Sr. Dr. José de Carvalho, a cerimónia de transmissão de poderes do Governador Civil cessante, ao novo Chefe dio Distrito, Sr. Dr. Simplício Barreto Magro.
.
08/Julho/62
No barulho novamente
Novo artigo de José Vieira Lopes, desta vez ilustrado por uma caricatura de sua autoria. Termina com umas palavras que, a tantos anos de distância acabam por deitar “por terra” algumas das teses que os comunistas “destas terras” veicularam depois do 25 de Abril.
Terminava assim o texto de Vieira Lopes:
Que essas pusilânimes criaturinhas me desculpem, mas eu pertenço ainda ao grupo (em vias de extinção compulsiva) dos que falam!
Não tenho medo nem dos homens nem das instituições que respeito na medida em que me respeitem! Depois, não sou nenhum terrorista, “mau mau”, carbonário, mação, mafioso, porque amo a Cidade onde nasci e me fiz gente, esta mesma cidade que, daqui a 100 anos (haja optimismo, pelo menos nisto…) me guardará melhor os ossos que… me tratou da carne.
E no fim de contas será você, leitor amigo, que dirá de sua justiça e se vale ou não vale a pena
Você e a Censura (a desculpa dos poltrões) que, em 17 anos de jornalismo, nunca me impediu de falar a meu modo, honra lhe seja feita.”
.
08/Julho/62
Nascimento
Na maternidade Bensaúde, em Lisboa, deu à luz no dia 17 do passado mês,
Uma criança do sexo feminino, a Sr.ª D. Maria Celeste Catana de Mendonça David, esposa do Agente Técnico de Engenharia, Sr. António Eduardo Correia Mendonça David e filha do Sr. Tem. Manuel Dias Catana e Sr.ª D. Catarina Moreira Romão Dias Catana.
.
15/Julho/62
Nascimento
Na sua residência em Castelo Branco, deu à luz, no passado dia 6, uma criança do sexo feminino, a Sr.ª D. Clotilde de Almeida Oliveira Salavisa Vicente, esposa do nosso muito estimado amigo e assinante João Salavisa Vicente a quem apresentamos os nossos cordiais parabéns.
.
22/Julho/62
Dr. José Sena Esteves
Na Casa de Saúde de Nª Sr.ª do Carmo, no Porto, foi há dias operado, com o maior êxito, o nosso prezado amigo e assinante Senhor Dr. José de Sena Esteves de Oliveira (?!). Soubemos que posteriormente sofreu qualquer abalo que muito assustou os seus amigos. Podemos no entanto informar que, nesta data, se encontra a caminho de um completo restabelecimento, pois o susto graças a Deus passou e oxalá dentro em breve o vejamos regressar, para uma total recuperação, à sua casa nesta cidade e ao convívio dos seus amigos.
.
29/Julho/62
Uma música de um compositor albicastrense
Foi classificada para o Concurso do 3º Festival Luso-Espanhol da Canção do Douro,
“Quero ir ao Douro” tem música e letra da autoria de António Garrido Carrega.
.
29/Julho/62
Dr.ª D. Rosa Teixeira Cardoso Justa
Na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, concluiu a sua formatura em Ciências Biológicas, no passado dia 24, a Sr.ª Dr.ª Rosa Teixeira Cardoso Justa, filha do nosso muito estimado amigo e assinante Sr. Manuel Cardoso Justa.
À nova licenciada, bem como a seus pais, apresenta a Beira Baixa a sincera expressão dos seus parabéns.
.
29/Julho/62
Falecimento
D. Flávia Augusta Tavares Mendonça Santos Pires Antunes
No passado dia 22, faleceu na sua casa em Castelo Branco, a Sr.ª D.Flávia Augusto Tavares Mendonça Santos Pires Antunes, de 63 anos de idade, esposa do nosso muito estimado amigo e assinante, Sr. Prof. José Pires Antunes, inspector orientador do Ensino Primário do nosso Distrito, mãe da Sr.ª Prof. Maria Amélia Tavares Mendonça Santos Pires Antunes Rapoula, casada com o Sr. Agente Técnico Rui Rodrigues Rapoula; Prof. D. Maria Teresa Mendonça S. Pires Antunes A. da Silva, casada com o Sr. Regente Agrícola Rómulo José Alves da Silva e do Sr. Dr. António José Mendonça Pires Antunes, casado com a Sr.ª D. Maria Gil da Silveira Pires Antunes.
À família enlutada e em especial ao Prof. Pires Antunes apresenta a Beira Baixa as suas sentidas condolências,
.
29/Julho/62
Acidente de viação
No passado dia 24, foram vítimas de um acidente de viação, entre Montargil e Ponte de Sôr, a Sr.ª D. Maria de Lurdes da Silva Cunha Mota Russinho, seu marido Sr. António Ribeiro Russinho e uma criada do casal, Assunção Antónia Mendes, de 15 anos, pelo que foram transportados ao Hospital de S.José, onde receberam tratamento, encontrando-se a Sr.ª D. Maria de Lurdes Mota e seu marido, internados na Casa de Saúde das Amoreiras.

19 outubro 2010

Romagens de Saudade... 1979

Na 7ªRomagem de Saudade
em 15 06 1979

Uma pausa no café Beirão...
jjmatos, Zé Pequeno (José Eduardo Pires Fernandes),
Zé Fernando (José Fernando Proença d'Almeida), Sebastião José Pires Morão, Joaquim Rapoula e Zé Carvalhão (José Mendes da Costa Carvalhão)

18 outubro 2010

Na tua História me perco...

Um poema de
António Boto

António Boto

Ó Pátria mil vezes Santa
- Meu Portugal, minha terra,
onde vivo e onde nasci!
.
Na tua História me perco,
E nela tudo aprendi.
.
Mesmo que fosses pequena
E eu te visse pobre e nua,
- Ninguém ama a sua Pátria por ser grande,
Mas sim por ser sua!
.
in "Baionetas da Morte"

17 outubro 2010

Boa, Alexandre...

A propósito do Orçamento...
em 15.10.2010
.
"Já batemos tão baixo, tão baixo, que eu chumbava aquela merda toda só para o Sócrates ir para Bruxelas, longe da gente, e levar o cabeça de giz... Quem anda aflito é a maçonaria e a máfia dos Bancos... O povo já não pode bater mais baixo... Haja é pena de morte para esta cambada que levou Portugal ao penico... Chumbadíssimo da minha parte!..."
.

As "garotas" de René Caillé...

Humor antigo
com o traço
de René Caillé

- Hoje só gastei, aqui em Paris, 8.000 francos!
4.000 dos antigos, numas lembranças para ti e
4.000 dos novos, numas coisitas para mim!...

16 outubro 2010

Escrito no vento...

Efeitos da crise:

"O leitinho com chocolate passa de 6% para 23% de IVA. O vinho mantém-se a 13%. Os miúdos vão passar a levar um pacotinho de Porta da Ravessa para a escola..."
.
circula na "net"
16.10.2010

O Anjo Branco

... é o título do novo romance de José Rodrigues dos Santos..

José Rodrigues dos Santos e o Convite
.
"Daqui a exactamente uma semana, no Sábado 23 de Outubro, sai um novo romance meu. Venho convidar-vos para a cerimónia de apresentação. O convite segue em anexo."
.
Um abraço acompanha este convite.
.
A figura que surge de branco na imagem que se vê neste convite, tudo leva a crer ser a do Zé da Paz que connosco conviveu durante dois anos no Lar da JUC, da Cedofeita, em 1956/58. E é sobre a vida deste Homem que se desenvolve o romance que sai a público no próximo fim de semana.
O Zé da Paz é o Pai de José Rodrigues dos Santos.
Vai ser mais um motivo de "convivência" com um Amigo que faleceu há muito tempo...
.
Desejamos o maior êxito para o romance que aí vem.
Um abraço amigo para o autor.

Setubalense - 1961 - Junho

3 de Junho
Estádio
No novo Estádio do Vitória foi inaugurado o recinto de patinagem e outros desportos.
.
3 de Junho
O Vitória eliminou o Benfica da "Taça de Portugal"
Eusébio é um bom artilheiro mas Quim foi o homem da metralhadora
Vitória 4 - Benfica 1
.
12 de Junho
Força Aérea
Não há notícia desde 5ªfeira (08.06.1961) de um avião pilotado pelo Ten.Carlos Alves
Na passada 5ªfeira um avião PV-2 da Força Aérea descolou pelas 10h 53m da Base Aérea de Luanda, para uma missão de reconhecimento sobre as regiões do norte de Angola, não tendo regressado.
.
12 de Junho
PSP
O Cap. Silveira Reis deixou o comando da PSP distrital para se apresentar no Regimento de Caçadores 6, em Castelo Branco, de onde seguirá para o ultramar.
.
12 de Junho
Restaurante
Pérola de Setúbal - um novo estabelecimento de café, bar e restaurante, na Av. 5 de Outubro, propriedade do Sr. Manuel Fernandes.
.
14 de Junho
Câmara Municipal
Um grande plano urbanístico em marcha.
Características principais da Praça do Brasil
Urge que a CP autorize certos trabalhos de urbanização (com foto da maquete... que convém comparar com o que foi construído mais tarde)
.
17 de Junho
Política
O Dr. António Pedroso Pires de Lima foi agraciado com as insígnias do Grande Oficialato da Ordem Militar de Cristo.
.
17 de Junho
Câmara Municipal
Por proposta do Presidente da Câmara foram louvados os Srs. Arquitectos João António de Aguiar e Fernando Casaca pela realização de obras no Parque do Bonfim.
Por proposta do Vereador Sr. Eng. Veríssimo de Mira foram também louvados os Encarregados Srs. Fernando Cascais e Rafael Lagartinho.
.
17 de Junho
PSP
Assumiu funções de Comandante interino da PSP o Sr. Ten. Álvaro Martins de Carvalho.
.
19 de Junho
Força Aérea
Foram localizados o avião e os corpos dos tripulantes, em Angola.
.
21 de Junho
Óbito
Faleceu na madrugada de ontem, o Sr. Dr. João Beja Godinho, vitimado por um colapso cardíaco.
.
21 de Junho
Clube Naval
Assembleia Geral do Clube Naval Setubalense
Novos Corpos Gerentes
.
Assembleia-Geral:
Presidente - Dr. Manuel Mário Tomé Carqueijeiro
Secretário - José Simões Bichirão
Secretário - Lomelino da Costa Gil
Suplente - Dr. José Blasco Mousinho Lopes
Suplente - Dr. José Teixeira do Vale
Suplente - Dr. Eduardo Soveral Rodrigues
.
Direcção
Presidente - João Posser de Andrade Vilar
V. Presidente - Manuel José Tavares
Secretário - José Fernandes Alves Cândido
Secretário - Fernando Joaquim Arsénio
Tesoureiro - Rui Francisco Crespo Martins de Oliveira
Vogal - Mário Manuel Tomé Carqueijeiro
Vogal - Amílcar Ribeiro Correia
Vogal - Hélio Santana
Suplente - Wagner Fidalgo Pinto
Suplente - Baltazar Tiago Estrela Leão
Suplente - João Carlos Rosa Salgado
.
Conselho Fiscal
Presidente - Gonçalo Vaz Pinto
Secretário - Carlos José Vasconcelos
Relator - Francisco dos Santos Armelão
Suplente - José Arôcha
Suplente - Luís Filipe Fernandes
Suplente - Ricardo José Pereira Chora
.
24 de Junho
Câmara Municipal
A Câmara revogou a sua deliberação que extinguia o partido médico em S. Simão de Azeitão.
.
24 de Junho
Biblioteca Municipal
A Câmara Municipal de Setúbal deliberou a abertura de um concurso para provimento do cargo de Bibliotecário Municipal.
.
28 de Junho
Justiça
O Juiz de Direito Sr. Dr. João de Deus Pinheiro Farinha foi colocado no 2ºJuízo da Comarca de Setúbal.
.
28 de Junho
Vitória FC
O treinador João Biri vai continuar ao serviço do Vitória.

Fotografias de Setúbal...

A "baixa" de Setúbal, com destaque para o
"arranha céus" junto ao Parque da Escolas.
No outro lado do Rio Azul, a Caldeira da Tróia.
.
Foto obtida em 08.09.2010

15 outubro 2010

Romagens de Saudade... 1971

5ª Romagem de Saudade
em 22 06 1971


No sentido dos ponteiros do relógio:
José Carvalhão, Eduardo Marçal Grilo, jjmatos, António Salvado, António Pires Antunes, Rui Versos, Luis Marçal Grilo, NN e João Ramalho Eanes

Escrito na pedra...

No "Público"
13.10.2010
.
"Um homem tem sempre medo de uma mulher que o ame muito."
.
Bertolt Brecht
escritor e dramaturgo alemão
1898 - 1956

14 outubro 2010

Nunca mais... dizia o corvo

Lembrei-me deste título de um poema de Edgar Allan Poe
ao acompanhar, por alguns momentos, o final da tragédia
por que passaram os mineiros chilenos agora libertados...
.

Edgar Allan Poe


Apenas o título liga estes dois "acontecimentos"... mas se eu fosse um daqueles 33 mineiros, também diria como o corvo de Allan Poe: Nunca mais!!...


Em certo dia, à hora, à hora
Da meia-noite que apavora,
Eu, caindo de sono e exausto de fadiga,
Ao pé de muita lauda antiga,
De uma velha doutrina, agora morta,
Ia pensando, quando ouvi à porta
Do meu quarto um soar devagarinho,
E disse estas palavras tais:
"É alguém que me bate à porta de mansinho;
Há de ser isso e nada mais."
.
Ah! bem me lembro! bem me lembro!
Era no glacial dezembro;
Cada brasa do lar sobre o chão refletia
A sua última agonia.
Eu, ansioso pelo sol, buscava
Sacar daqueles livros que estudava
Repouso (em vão!) à dor esmagadora
Destas saudades imortais
Pela que ora nos céus anjos chamam Lenora.
E que ninguém chamará mais.
.
E o rumor triste, vago, brando
Das cortinas ia acordando
Dentro em meu coração um rumor não sabido,
Nunca por ele padecido.
Enfim, por aplacá-lo aqui no peito,
Levantei-me de pronto, e: "Com efeito,
(Disse) é visita amiga e retardada
Que bate a estas horas tais.
É visita que pede à minha porta entrada:
Há de ser isso e nada mais."
.
"Minh'alma então sentiu-se forte;
Não mais vacilo e desta sorte
Falo: "Imploro de vós, — ou senhor ou senhora,
Me desculpeis tanta demora.
Mas como eu, precisando de descanso,
Já cochilava, e tão de manso e manso
Batestes, não fui logo, prestemente,
Certificar-me que aí estais."
Disse; a porta escancaro, acho a noite somente,
Somente a noite, e nada mais.
.
Com longo olhar escruto a sombra,
Que me amedronta, que me assombra,
E sonho o que nenhum mortal há já sonhado,
Mas o silêncio amplo e calado,
Calado fica; a quietação quieta;
Só tu, palavra única e dileta,
Lenora, tu, como um suspiro escasso,
Da minha triste boca sais;
E o eco, que te ouviu, murmurou-te no espaço;
Foi isso apenas, nada mais.
.
Entro coa alma incendiada.
Logo depois outra pancada
Soa um pouco mais forte; eu, voltando-me a ela:
"Seguramente, há na janela
Alguma cousa que sussurra. Abramos,
Eia, fora o temor, eia, vejamos
A explicação do caso misterioso
Dessas duas pancadas tais.
Devolvamos a paz ao coração medroso,
Obra do vento e nada mais."
.
Abro a janela, e de repente,
Vejo tumultuosamente
Um nobre corvo entrar, digno de antigos dias.
Não despendeu em cortesias
Um minuto, um instante. Tinha o aspecto
De um lord ou de uma lady. E pronto e reto,
Movendo no ar as suas negras alas,
Acima voa dos portais,
Trepa, no alto da porta, em um busto de Palas;
Trepado fica, e nada mais.
.
Diante da ave feia e escura,
Naquela rígida postura,
Com o gesto severo, — o triste pensamento
Sorriu-me ali por um momento,
E eu disse: "O tu que das noturnas plagas
Vens, embora a cabeça nua tragas,
Sem topete, não és ave medrosa,
Dize os teus nomes senhoriais;
Como te chamas tu na grande noite umbrosa?
"E o corvo disse: "Nunca mais".
.
Vendo que o pássaro entendia
A pergunta que lhe eu fazia,
Fico atónito, embora a resposta que dera
Dificilmente lha entendera.
Na verdade, jamais homem há visto
Cousa na terra semelhante a isto:
Uma ave negra, friamente posta
Num busto, acima dos portais,
Ouvir uma pergunta e dizer em resposta
Que este é seu nome: "Nunca mais".
.
No entanto, o corvo solitário
Não teve outro vocabulário,
Como se essa palavra escassa que ali disse
Toda a sua alma resumisse.
Nenhuma outra proferiu, nenhuma,
Não chegou a mexer uma só pluma,
Até que eu murmurei: "Perdi outrora
Tantos amigos tão leais!
Perderei também este em regressando a aurora."
E o corvo disse: "Nunca mais!"
.
Estremeço. A resposta ouvida
É tão exacta! é tão cabida!
"Certamente, digo eu, essa é toda a ciência
Que ele trouxe da convivência
De algum mestre infeliz e acabrunhado
Que o implacável destino há castigado
Tão tenaz, tão sem pausa, nem fadiga,
Que dos seus cantos usuais
Só lhe ficou, na amarga e última cantiga,
Esse estribilho: "Nunca mais".
.
Segunda vez, nesse momento,
Sorriu-me o triste pensamento;
Vou sentar-me defronte ao corvo magro e rudo;
E mergulhando no veludo
Da poltrona que eu mesmo ali trouxera
Achar procuro a lúgubre quimera,
A alma, o sentido, o pávido segredo
Daquelas sílabas fatais,
Entender o que quis dizer a ave do medo
Grasnando a frase: "Nunca mais".
.
Assim posto, devaneando,
Meditando, conjecturando,
Não lhe falava mais; mas, se lhe não falava,
Sentia o olhar que me abrasava.
Conjecturando fui, tranquilo a gosto,
Com a cabeça no macio encosto
Onde os raios da lâmpada caíam,
Onde as tranças angelicais
De outra cabeça outrora ali se desparziam,
E agora não se esparzem mais.
.
Supus então que o ar, mais denso,
Todo se enchia de um incenso,
Obra de serafins que, pelo chão roçando
Do quarto, estavam meneando
Um ligeiro turíbulo invisível;
E eu exclamei então: "Um Deus sensível
Manda repouso à dor que te devora
Destas saudades imortais.
Eia, esquece, eia, olvida essa extinta Lenora."
E o corvo disse: "Nunca mais".
.
“Profeta, ou o que quer que sejas!
Ave ou demónio que negrejas!
Profeta sempre, escuta: Ou venhas tu do inferno
Onde reside o mal eterno,
Ou simplesmente náufrago escapado
Venhas do temporal que te há lançado
Nesta casa onde o Horror, o Horror profundo
Tem os seus lares triunfais,
Dize-me: existe acaso um bálsamo no mundo?"
E o corvo disse: "Nunca mais".
.
“Profeta, ou o que quer que sejas!
Ave ou demônio que negrejas!
Profeta sempre, escuta, atende, escuta, atende!
Por esse céu que além se estende,
Pelo Deus que ambos adoramos, fala,
Dize a esta alma se é dado inda escutá-la
No éden celeste a virgem que ela chora
Nestes retiros sepulcrais,
Essa que ora nos céus anjos chamam Lenora!”
E o corvo disse: "Nunca mais."
.
“Ave ou demónio que negrejas!
Profeta, ou o que quer que sejas!
Cessa, ai, cessa! clamei, levantando-me, cessa!
Regressa ao temporal, regressa
À tua noite, deixa-me comigo.
Vai-te, não fique no meu casto abrigo
Pluma que lembre essa mentira tua.
Tira-me ao peito essas fatais
Garras que abrindo vão a minha dor já crua."
E o corvo disse: "Nunca mais".
.
E o corvo aí fica; ei-lo trepado
No branco mármore lavrado
Da antiga Palas; ei-lo imutável, ferrenho.
Parece, ao ver-lhe o duro cenho,
Um demónio sonhando. A luz caída
Do lampião sobre a ave aborrecida
No chão espraia a triste sombra; e, fora
Daquelas linhas funerais
Que flutuam no chão, a minha alma que chora
Não sai mais, nunca, nunca mais!
.
A tradução é de Machado de Assis.

Escrito no vento...

"... sem os ricos não haverá esperança para os pobres."
.
Margaret Thatcher
primeira-ministra britânica
1979 - 1990

13 outubro 2010

De Mãe para mãe...

"Cara Senhora,
vi o seu enérgico protesto diante das câmaras de televisão contra a transferência do seu filho, presidiário, das dependências da prisão de Custóias para outra dependência prisional em Lisboa.

Vi-a a queixar-se da distância que agora a separa do seu filho, das dificuldades e das despesas que vai passar a ter para o visitar, bem como de outros inconvenientes decorrentes dessa mesma transferência.

Vi também toda a cobertura que os jornalistas e repórteres deram a este facto, assim como vi que não só você, mas também outras mães na mesma situação, contam com o apoio de Comissões, Órgãos e Entidades de Defesa de Direitos Humanos, etc...
.

Que "belas" entidades nós temos a defender estes Direitos...

Eu também sou mãe e posso compreender o seu protesto. Quero com ele fazer coro, porque, como verá, também é enorme a distância que me separa do meu filho. A trabalhar e a ganhar pouco, tenho as mesmas dificuldades e despesas para o visitar.

Com muito sacrifício, só o posso fazer aos domingos porque trabalho (inclusive aos sábados) para auxiliar no sustento e educação do resto da família.

Se você ainda não percebeu, sou a mãe daquele jovem que o seu filho matou cruelmente num assalto a uma bomba de combustível, onde ele, meu filho, trabalhava durante a noite para pagar os estudos e ajudar a família. No próximo domingo, enquanto você estiver a abraçar e beijar o seu filho, eu estarei a visitar o meu e a depositar algumas flores na sua humilde campa, num cemitério dos arredores...

Ah! Já me esquecia: Pode ficar tranquila, que o Estado se encarregará de tirar parte do meu magro salário para custear o sustento do seu filho e, de novo, o colchão que ele queimou, pela segunda vez, na cadeia onde se encontrava a cumprir pena, por ser um criminoso. No cemitério, ou na minha casa, NUNCA apareceu nenhum representante dessas "Entidades" que tanto a confortam, para me dar uma só palavra de conforto ou indicar-me quais "os meus direitos".

Para terminar, ainda como mãe, peço por favor: Façam circular este manifesto! Talvez se consiga acabar com esta (falta de vergonha) inversão de valores que assola Portugal e não só..."

Direitos humanos só deveriam ser para "humanos direitos" !!!
.
Carta enviada de uma mãe para outra mãe no Porto, após um telejornal da RTP1:
por
Nuno Tavares
numa Sexta-feira, 8 de Outubro de 2010 às 21:18
.

O Senhor Sócrates, os membros do seu Governo, os Senhores Deputados que fazem as leis e a Imprensa que temos deviam ler estas "coisas comezinhas" que circulam pela Net...
Era capaz de lhes fazer bem...

Rijksmuseum Amesterdão

Calvário
Jacob Cornelisz van Oostsanen
1470 – 1533
.

Calvário

Segundo documentos da época, Jacob Cornelisz teria desempenhado um papel importantíssimo na vida artística de Amesterdão, no princípio do século XVI. Infelizmente, muitas das suas obras desapareceram. Este Calvário testemunha as suas qualidades; se bem que a cena principal seja, naturalmente, a Crucificação, disseminados pela paisagem estão representados outros episódios da Paixão, com os quais Jacob Cornelisz conseguiu, todavia, criar um conjunto orgânico: notáveis são as atitudes e a expressão das mulheres aos pés da Cruz, em cujos rostos, observados de perto parece vermos lágrimas escorrendo. Semelhante preciosismo nos mínimos pormenores é tipicamente holandês e característico da pintura do século XVII, a época do florescimento ou século de ouro.
.
Cfr. Marco Valsechi
In “Grandes Museus do Mundo”
Ed.Verbo – Setembro/1973

12 outubro 2010

Foi um aluno brilhante...

...que passou pelo Liceu de Setúbal, em 1967/68
O meu melhor aluno naquele já distante ano lectivo.
Numa época em que as boas classificações não eram dadas ao desbarato... o Galhardas de Moura destacou-se no seio de um grupo de alunos que, há cerca de 40 anos, marcaram a nossa Escola e vieram a singrar nos mais variados ramos do saber.

José João Galhardas de Moura
aluno do Liceu de Setúbal em 1968
.
Um acaso feliz pôs-nos de novo em contacto, ao fim de todos estes anos...
Muito embora eu tivesse a ideia que o Galhardas de Moura enveredara pela Carreira Académica, depois de passar pelo IST, a verdade é que nunca mais tinha sabido do seu paradeiro.
.
Prof.Doutor José João Galhardas de Moura
Departamento de Química Faculdade de Ciências e Tecnologia,
Universidade Nova de Lisboa
.
"Que surpresa e alegria.
Reencontrar um dos professores que me mais marcou a vida académica (junto a Drª Lurdes Gens que me fez virar de Medicina para a Engenharia).
Guardo recordações maravilhosas de profissionalismo e competência dos meus professores dessa época.
Se quiser, venha um dia visitar-me aqui ao Campus de Caparica.
Será um prazer e uma honra
."

.
É emocionado, mas cheio de orgulho, que aqui deixo esta mensagem do "Prof.José Moura" ao mesmo tempo que a envio aos professores actuais do "meu Liceu" para que ajudem a manter o "fogo sagrado" do profissionalismo e competência que a nossa Escola sempre manteve.

11 outubro 2010

4º Aniversário do Blog...

"Memoria recente e antiga" nasceu em 11 de Outubro de 2006
faz hoje quatro anos!
Durante o 4º ano foram publicados neste blogue, 451 "posts", tendo sido acedido 164016 vezes... Houve uma franca melhoria.
Parece que continua a despertar algum interesse...
.
João de Castelo Branco
11 de Outubro de 2010

09 outubro 2010

Fotografias de Setúbal...

Junto ao "espaço" do Liceu, estes dois edifícios
estão separados pela "Via rápida" Várzea/Brancanes".
Em primeiro plano, a "horta pedagógica" daquela escola.

Foto obtida em 27.03.2007

08 outubro 2010

Escrito na pedra...

No "Público"
06.10.2010
.
"Os filósofos que acreditam na lógica absoluta da verdade nunca tiveram de travar uma discussão cerrada com uma mulher."
.
Cesare Pavese
escritor italiano
1908 - 1950

07 outubro 2010

Setubalense - 1961 - Maio

3 de Maio
Política
A Sr.ª D. Maria Lídia Moniz Borba preside à Comissão que recolhe donativos para as vítimas do terrorismo em Angola.
.
3 de Maio
Corpos Gerentes da Associação de Andebol de Setúbal


Assembleia - Geral :
Presidente - Eng. Gago da Silva

Direcção :
Presidente - Dr. Eduardo Gouveia Amaral
V. Presidente - António Luís Pignatelli Figueiredo

Conselho Fiscal :
Presidente - Fernando Salgado

Conselho técnico :
Armando Trindade.
.
5 de Maio
Remodelação Ministerial
O Governo foi remodelado, sendo substituídos os ministros do Interior, da Educação Nacional, das Corporações, dos Negócios Estrangeiros e os Secretários do Comércio, da Indústria e da Agricultura que são respectivamente:
Dr. Alfredo Rodrigues dos Santos Júnior
Prof. Dr. Manuel Lopes de Almeida
Prof. Dr. José Gonçalves Proença
Dr. Alberto Franco Nogueira
Dr. João Augusto Dias Rosas
Eng. António Alves de Carvalho Fernandes (irmão mais velho do Coronel Carvalho Fernandes)
Dr. João Mota Pereira e Campos (marido da Irene Bravo, minha colega no Liceu de C.Branco)
.
6 de Maio Setubalense
Cultura
Arcádia do Setubalense
Medronho da Mata (Dr. Cabral Adão) publica na 1ªpáguna o soneto "Ás Armas"
.
6 de Maio
O jogo de amanhã
Depois do Hearts, do Ujpeste, do Aarhus e do Rapid há interesse em observar a resistência dos Vitorianos na Luz (Artigo do Domingos Roque)
.
8 de Maio Setubalense
Cultura
Constituiu-se um Orfeão na Academia Luisa Todi
Foi contratado para o dirigir o Sr. Américo Vieira, professor de Canto Coral de um dos Liceus de Lisboa.
.
8 de Maio
Tribunal de Trabalho
Foi colocado no tribunal de Trabalho de Setúbal o Sr. Dr. João Monteiro da Costa Pereira e será colocado na 2ªVara recentemente criada e funcionará, segundo se julga, em Almada
.
8 de Maio
A defesa vitoriana comprometeu o resultado que constituiria uma lição para os "encarnados"
.
10 de Maio
Dr. Estêvão Moreira
Tomou posse como presidente da Comissão Regional de Turismo da Serra da Arrábida.
.
12 de Maio
Aniversário
Faz anos o Sr. Dr. Paulino Pereira
.
13 de Maio
Turismo
Foi inaugurado ontem o restaurante do Parque
.
13 de Maio
Cultura, Ciência e Saber
Realizou-se hoje a conferência "Cuvier" comemorativa do 129ºaniversário da morte do celebrado naturalista.
Sobre a vida e obra falaram, respectivamente, Vitor Manuel dos Santos Gonçalves e Carlos Manuel Tavares da Silva.
.
13 de Maio
Anúncio
Miguel Pereira Osório de Castro
Certifico
que em data de vinte e seis de Abril findo e de folhas quinze a folhas dezassete do livro número B-sete, de notas, para escrituras diversas, do mencionado cartório, se encontra exarada e devidamente assinada uma escritura de dissolução da sociedade "Curado de Oliveira, Limitada" por quotas, de responsabilidade limitada, que teve sede em Setúbal, e se constituiu por escritura de vinte e oito de Março de mil novecentos e cinquenta, a folhas catorze verso do respectivo livro de notas, número cento e cinquenta e um do mesmo cartório.
Todo o activo e passivo da dissolvida sociedade por conta e sob a exclusiva responsabilidade do ex-sócio Emílio Curado de Oliveira a quem, portanto, foi adjudicado o estabelecimento social situado no rés-do-chão números dez, doze e dezasseis da rua da Misericórdia, com entrada traseira pelo Beco de João Landrob, da freguesia de Santa Maria desta cidade, estabelecimento denominado "Farmácia Oliveira".
Os ex-sócios Emílio Curado de Oliveira e Dona Maria de Lurdes Macedo deram por liquidadas e saldadas todas as contas sociais.
É certidão que extraí para efeitos de publicação e vai conforme o original.
Declaro que na parte omitida da escritura nada há que amplie, restrinja, modifique ou condicione a parte transcrita.
Setúbal e Secretaria Notarial, aos cinco de Maio de mil novecentos e sessenta e um.
O 3ºAjudante desta Secretaria Notarial
Luís Garcia Santana da Silva
.
13 de Maio
Câmara Municipal
O mercado do Bairro da Conceição foi hoje inaugurado.
.
20 de Maio
Cultura
O Pintor Celestino Alves expõe no Estoril (casino)
.
20 de Maio
Exército
O Sr. Major José Alves Carvalho Fernandes foi nomeado Chefe de Gabinete do Secretário de Estado da Indústria.
.
24 de Maio
Marinha
O Comodoro Laurindo dos Santos é o novo Director da Escola Naval
.
24 de Maio
Câmara Municipal
O Sr. José Cândido Arôcha substitui o Dr. Estêvão Moreira na Comissão organizadora da próxima Feira.
Mantém-se o Sr. Francisco de Sousa Souto e é chamado o Sr. Manuel Martins Caro Marquilhas.
.
29 de Maio
Cultura
O Dr. Bandeira Ferreira foi nomeado inspector das Bibliotecas e Arquivos.
Licenciado em Ciências Histórico-Filosóficas pela Faculdade de Letras de Lisboa desempenhou as funções de assistente de História na mesma Faculdade e as de conservador do Museu Etnológico do Dr. Leite de Vasconcelos. É vogal da Junta Nacional de Educação.
.
29 de Maio
Auto-Estrada
Foi ontem inaugurada a 1ª fase da auto-estrada do Norte, entre Lisboa e Vila Franca.
.
29 de Maio
Política
Explodiu uma bomba na Estação do Cais do Sodré (ontem)
.
29 de Maio
Notícias pessoais
Nascimento
Operada pelo Dr. António Carmona, auxiliado pelo Sr. Dr. Braga de Almeida, teve o seu bom sucesso a Sr.ª Dr.ª D. Fernanda da Conceição Rodrigues Calado.
.
31 de Maio
Misericórdia
António Luís Esteves é o novo Provedor da Misericórdia cuja mesa fica assim constituída:
Secretário - Augusto César Lopes Pedrosa
Tesoureiro - Luciano Ângelo Rouillé
Mesários efectivos:
Eng. António Carneiro Deveza
Eng. Humberto Sant'Ana Ferreira da Cunha
José Cândido de Oliveira Santana
Mesários substitutos:
Eng. António Jaime de Sousa Fialho
Arnaldo Teixeira
Dr. José Cardoso Ferreira


06 outubro 2010

Na comissão parlamentar de Saúde...

No "Jornal de Notícias"
hoje, às 14h 11m
.
O presidente da Associação Nacional de Farmácias lançou hoje, quarta-feira, um conjunto de suspeitas sobre a política de comparticipações dos medicamentos em Portugal e
propôs a extinção da autoridade reguladora do sector.
.

João Cordeiro, presidente da ANF
.

"Na comissão parlamentar de Saúde, João Cordeiro denunciou a situação da comparticipação de um medicamento antiepilético que "apenas foi considerado inovador em Portugal".
A situação levou mesmo o presidente da Associação Nacional de Farmácias (ANF) a pedir uma investigação policial à comparticipação deste medicamento e à investigação farmacêutica em Portugal.
Em causa está o medicamento Zebenix, que a ANF considera que não apresenta qualquer novidade ao nível da molécula e dos processos produtivos.
João Cordeiro sublinhou ainda que este medicamento tem custos diários 10 vezes superiores aos seus equivalentes: "o preço é um escândalo. Acho que o preço exige mesmo uma investigação policial".
A ANF frisa ainda que este medicamento não se encontra comparticipado em nenhum outro país da Europa e que apenas foi considerado inovador pela Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed).
"O Infarmed tem obrigação de evidenciar os ganhos em saúde com este investimento", declarou, recordando que este fármaco é comparticipado em 95% pelo Estado.
A ANF disse ainda estranhar que o Governo vá financiar com 600 milhões de euros a investigação científica no laboratório que produz o Zebenix.
Para João Cordeiro, esta situação mostra que o Infarmed não tem cumprido as suas funções de organismo regulador e, como tal, deixa de ter razão para existir.
"Não percebo a necessidade do Infarmed em Portugal, sobretudo quando temos uma agência europeia do medicamento. Acho que o Infarmed é puro custo. Uma estrutura daquelas, com uns cerca de 300 funcionários, acho que é desnecessária", declarou aos deputados.
Além de considerar que o Infarmed não cumpre as suas funções no que respeita à comparticipação de remédios, lembrou que todos os medicamentos são introduzidos e retirados do mercado português por decisão da agência europeia.
João Cordeiro afirmou também que "alguma coisa de estranho se passa" com a venda de fármacos de alguns laboratórios em Portugal, que registaram crescimentos de mil ou dois mil por cento através de prescrições de determinados centros de saúde.
"Não é por acaso que a indústria farmacêutica investe milhões na sua relação com os médicos", declarou ainda o representante dos proprietárias das farmácias."

É capaz de haver alguma explicação para este caso... Vamos aguardar.