30 abril 2014

Para o Fernando Delgado...

...vão os meus parabéns!...
Sempre que posso leio a sua página no FB...
...agora, até o "nosso comum Amigo Humberto", onde quer que ele esteja, se deve estar a rir também...
.
"Maria Teresa Horta diz sobre Vasco da Graça Moura que se perdeu um grande poeta. Mas diz também que considera "inexplicável que um homem como Vasco fosse de direita", "para mim era contranatura".
.
Eu, por mim, percebo agora que, afinal, é possível ser, simultâneamente, poetisa, de esquerda e idiota."

29 abril 2014

Quem me dera...

Um pequeno "apontamento" de Fernando Pessoa.

Fernando Pessoa
.
Eu não sei senão amar-te,
Nasci para te querer.
Ó quem me dera beijar-te,
E beijar-te até morrer.

28 abril 2014

Quem quer ficar com ele?!...

Venha depressa e ponha-se na bicha...
Soltróia, em 15 de Abril

27 abril 2014

Setubalense - 1967 - Abril

.
01 Abril
Visita oficial do 2ªComandante do Governo militar de Lisboa ao Regimento de Infantaria nº11
Na última 4ªfeira, o Sr.Brigadeiro Eduardo da Luz Cunha, visitou oficialmente o RI  11. Aguardando o ilustre visitante, encontravam-se os Srs. Coronéis Viriato de Oliveira e António Pereira Santana, respectivamente Comandante Militar e Comandante do RI 11.
 .
01 Abril
Casamento
No dia 27 de Março, na Igreja de Nossa Senhora de Fátima, em Lisboa, realizou-se o casamento da Sr.ª D.Maria Clara Segurado Lopes da Silva, aluna da faculdade de Letras… com o Sr.António Gonçalo do Nascimento Belchior, quintanista de Medicina,
 .
01 Abril
Câmara Municipal de Setúbal
Anúncio em que “se faz público que em reunião de 29 de Março, deliberou autorizar a instalação de uma esplanada com serviço de café, no recinto da Praça de Bocage, fronteiro à Igreja de S.Julião”. É assinado pelo Presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Manuel José Constantino de Goes.
.
03 Abril
A Mesa Administrativa da Santa Casa da Misericórdia.
Por proposta da Direcção Clínica do Hospital de S.Bernardo, resolveu convidar o médico (?) Dr. Virgílio Guerreiro para Assistente do Laboratório de Análises. (Virgílio Guerreiro era licenciado em Farmácia).
.
05 Abril
É preciso abolir o imposto “Ad-Valorem”, no porto de Setúbal. (com a transcrição do artigo do jornal “O Século”).
.
05 Abril
Foram eleitos os novos Corpos Gerentes do Coral Luisa Todi.
Assembleia-Geral:
Presidente – Dr.Eduardo Conceição Fernandes
Vice-Presidente – Carlos Ferreira
Secretário – João Lúcio Monteiro
Secretário – Saul Correia
Conselho Fiscal:
Presidente – Ricardo Correia
Secretário – Fernando Rodrigues
Relator – Joaquim Marques dos Santos
Direcção:
Presidente – Dr.José Paulino Pereira
Vice-Presidente – Dr.Artur Gago da Silva
Secretário – Manuel Teixeira Garrido
Secretário – Manuel Martins Lino
Tesoureiro – Matias Veríssimo Gomes
Vogal – Aurélio da Conceição Fernandes
Vogal – Pedro Soveral Gomes
.
08 Abril
Setubalense no Ultramar
Passa hoje o aniversário natalício do alferes miliciano Sr.Domingos Manuel da Silva Farinho. (com foto e fardado de militar).
.
08 Abril
A Sr.ª Dr.ª Dulcínia Duarte Lopes Coelho da Fonseca, distinta setubalense, filha do farmacêutico Sr. João Agostinho Lopes, prestou provas no concurso para internos, do Internato Graduado de Oftalmologia, do Hospital de Santa Maria, tendo sido aprovada por unanimidade.
.
12 Abril
Silva Lino, pintor setubalense, expõe na Sociedade Nacional de Belas Artes.
.
12 Abril
Vitória FC
Tomam posse hoje, os novos Corpos Gerentes do Vitória FC
Assembleia-Geral:
Presidente – Dr. Manuel Seabra Carqueijeiro
Vice-Presidente – Manuel Mário Carqueijeiro
Secretário – Carlos Ferreira
Secretário – João Teixeira de Morais
Conselho Fiscal:
Presidente – Edmundo Gargalo
Secretário – Amadeu A.A.Ferreira
Relator – Manuel José de Jesus
Substituto – Telmo Chaves
Substituto – José Correia Duarte
Direcção:
Presidente – Fernando Pedrosa
Vice-Presidente – Cor. António Pereira de Santana
Vice-Presidente – Manuel Madeira Lopes
Secretário – Carlos Marques dos Santos
Secretário – Rogério Vaz de Carvalho
Tesoureiro – Silvério Jones
Vogal – Aníbal de Brito Pescadinha
Vogal – Francisco Lacasta Nascimento e Oliveira
Vogal – Dr. Raul Reis Pereira
Vogal – Daniel da Silva Fryxell
Vogal – José Manuel Castelo Pedrosa
Substituto – Eng.Humberto Sant’Ana Ferreira da Cunha
Substituto – José Manuel da Cruz
Substituto – Fernando Valério
Substituto – Júlio da Silva Tavares
 .
15 Abril
O péssimo estado da estrada entre as praias da Figueirinha e Galapos foi apreciado na sessão da Câmara Municipal.
.
17 Abril
Óbito
Na sua residência, na Avenida 5 de Outubro, 14-1º, faleceu na madrugada de hoje, o Sr. Domingos Florindo, de 57 anos, proprietário do “Estúdio Cinema”. Era pai de Dolores Garradas Florindo.
.
19 Abril
O 6ª aniversário da firma Serranos e Sustelo, Ldª foi condignamente comemorado.
Num jogo de futebol, no campo da Sécil, as equipas de Setúbal e Lisboa,
Venceu a primeira por 2-1, tendo alinhado as seguintes formações:
Setúbal – Pestana, Vasques, Celestino, Vitor e Aquilino; Rafael e Rangel; Luis, Jones, Virgílio e Simplício.
Lisboa – Miguel Alfredo; Sérgio, Vitor, Augusto e Carlos Serrano; Acácio e Júlio; Miguel Jorge, Óscar, Carvalho e Martins.
.
19 Abril
Despedida
Jorge Rosa Lobato, furriel miliciano, que seguiu no sábado para o Ultramar, vem por este meio apresentar despedidas…
.
22 Abril
Realizou-se na passada 4ªfeira (19 de Abril) a posse do major Carrilho do Rosário, no cargo de Presidente da Associação de Futebol de Setúbal.
.
22 Abril
Vitória FC
Fernando Vaz renova o contrato com o Vitória.
.
26 Abril
Vitória FC
A atleta vitoriana Maria Adelaide Marques continua a estabelecer recordes.
Estabeleceu no Estádio Universitário de Lisboa, novas marcas nacionais nos 65 metros barreira, reduzindo para 11,1 s, a marca de 13,2 s e no salto em comprimento, passou para 4,50 m, a marca anterior de 4,45 m.
.
29 Abril
Jorge Freire, de Lisboa, é o autor do Cartaz da Feira que foi escolhido pela Comissão.
.
19 Abril
Foram fixados os preços das sandwiches, torradas e bolos
Bolos de arroz, brioches e queques – 1$10
Sandwiches de fiambre com manteiga,
…….em pão de forma dois triângulos – 3$00
……..em carcaça – 2$50
………Torrada de pão de forma – 3$00  

26 abril 2014

Humor antigo...

in. "Mundo ri", nº 139
de Junho de 1965
.
- Estou pronta, António!... Só me falta pôr o chapéu...

25 abril 2014

Foi em 25 de Abril...

...de 1962 que comecei a festejar este dia.
Havia sempre uma festinha cá em casa...
.
A Gi faria hoje 52 anos...
.
Margarida Maria Macedo Mendes de Matos
.
Uma saudade...

24 abril 2014

A náusea...

... não a do Jean-Paul mas a da Rita Ferro que a descreve em "letras de ouro".

Rita Maria Roquette de Quadros Ferro
. 

A náusea
Por Rita Ferro
Conhecem aquele tipo de beatas ou ratas de sacristia, essas matronas que se apoderam das igrejas católicas, mudam as dálias do altar, barricam o acesso aos padres e lhes engomam os paramentos em êxtases ambíguos, destratando os humildes e adiantando-se nas naves para serem as primeiras a comungar, de olhos em alvo e estendendo, papudas, as mãos à hóstia? Essas, precisamente! E sabem por que motivo me enervam mais do que qualquer pecador cristão? É simples: porque não pecam na casa delas, mas na de Jesus.
Ora bem. É seguindo a mesma lógica que certos socialistas me revoltam mais do que qualquer burguesia exploradora, pelas mentiras, falcatruas e conspiratas que fazem, servindo-se dos clichês humanistas para depois se borrifarem nos pobres, aburguesando-se num crescendo assustador e apoderando-se, um a um, de todos os confortos dos ricos ou do que entendem por «alta sociedade»: o carrito de luxo, a casita com piscina, a contita na Suiça - tudo ambições humanas, mas anãs.
Ao contrário, a Direita, sendo egoísta, comodista, diletante, individualista - tudo o que quiserem, reconheço - ao menos não mistifica as suas prioridades!
Em suma: não há partidos, pessoas, e a ambição é comum às duas margens, já o sabemos. Mas a de alguns socialistas é tão execravelmente hipócrita que acaba por enojar quem, como eu, neta de salazaristas, foi tão pronto a entender a bênção da democracia que chegou a dar-lhes, penitente e escrupuloso, o benefício da dúvida.
O exemplo começou com o mais emblemático dos paladinos da liberdade e da justiça: El Rei Dom Mário Soares e os seus sucessivos citroëns de luxo, personalizados como um monograma, os tailleurs Chanel da Maria Barroso, talhados no Ayer, e as suas casinhas na cidade, serra e praia, para se aquecerem ou refrescarem consoante as estações do ano - e, finalmente, até uma Fundação para se distraírem na reforma; décadas depois, a coisa refinou: temos o Sócrates a vestir-se por estilistas da Rodeo Drive de Los Angeles, a ministrada anti-fascista a rolar em séries 5, e os quadros estratégicos das empresas públicas a ganharem salários que nem os banqueiros ganham - mete nojo!
(Atenção: escreve-vos a sobrinha de um Director Geral do Turismo *, casado e com cinco filhos, de rendimento modestíssimo, que, em Abril de 74, foi enjaulado em Caxias como um vulgar delinquente por alegado crime de peculato, por gastar - segundo a grelha da (in)Justiça Revolucionária - «demasiada água do Luso»! Miseráveis: não lhe arranjaram mais nada! E agora digam-me: visitar um tio na prisão por servir garrafas de água, nas funções representativas que ocupava, e ter de encará-lo atrás das grades prostrado pela desonra, para agora ver esta maltosa arrivista em lugares-chave, alguns deles profundamente desconhecedores de maneiras ou protocolo, a jantarem no Eleven e a regarem-se a Chivas?)
Palavra de honra: antes os políticos comunistas e bloquistas ? autistas no seu radicalismo anacrónico e obviamente perigosos num cenário de poder ? mas, apesar de tudo, com outra face, outra decência, outra coerência doutrinária!
E digo-vos mais: nem deveria ser gente como eu, apenas crítica ou sangrando sobre os escombros de uma pátria pilhada e demolida, a revoltar-se, mas os próprios socialistas, honestos e convictos da consistência da sua ideologia, a demarcarem-se, exigindo o afastamento de quem tão gravemente os embaraça, compromete e, por associação, os arrasta para este lodo de troça e de descrédito!
E só digo mais isto: coitados dos militares de Abril, analfabetos, que alinharam: foram usados! Cravos, sim, mas para pregarem nas mãos desses!
.
* Engº Álvaro José Ferreira Roquette, meu tio adorado que partiu sem rancores.

23 abril 2014

Um poema de Almeida Garrett...

...chamado "Olhos negros", publicado em 1845,
no livro "Flores sem fruto"
.
Almeida Garrett
.
Olhos negros
.
Por teus olhos negros, negros,
Trago eu negro o coração,
De tanto pedir-lhe amores...
E eles a dizer que não.
.
E mais não quero outros olhos,
Negros, negros como são;
Que os azúis dão muita esp'rança,
Mas fiar-me eu neles, não.
.
Só negros, negros os quero;
Que, em lhes chegando a paixão,
Se um dia disserem sim...
Nunca mais dizem que não.
.
in."Garrett"
"Gigantes da Literatura Universal"
Ed.Verbo - Fev.1972

22 abril 2014

Humor antigo...

in. "Mundo ri", nº 139
de Junho de 1965
.
- Deve estar noiva... Hoje tomou banho sem gritar por socorro!...

21 abril 2014

Escrito no vento...

O pior dessa juventude é que a gente não faz parte dela..."
.
Bernard Shaw

20 abril 2014

...é um erro e uma vergonha!

Vasco Pulido Valente escreveu, ontem,
na sua Coluna "Opinião", do "Público"
um texto a que deu o título:
"Um erro e uma vergonha"
.
Vasco Pulido Valente
.
Como um dos primeiros membros do GIS (Grupo de Investigações Sociais), fiquei estarrecido quando soube, por um artigo de uma autoridade, que existiam hoje em Portugal 30.000 sociólogos com licenciatura e, provavelmente, centenas com o mestrado e dezenas com o doutoramento. Fazem eles parte da “geração mais bem preparada de sempre”? O país precisa realmente deles? Aparentemente, 86,6% têm trabalho e 63,8% acham a “formação” que receberam “adequada às tarefas que desempenham”. Mas, como seria de esperar, o Estado é o grande empregador da maioria dos sociólogos, que trabalham na “investigação” (presumo que em “observatórios” disto ou daquilo), na administração pública e na Segurança Social. O sector privado não mostra o menor interesse por eles.
O que se compreende. O Estado criou profissionais que a economia não pedia e depois foi forçado a tapar o buraco, tratando ele de lhes dar um modo de vida. Só que o Estado, além de 30.000 sociólogos, também é com certeza obrigado a prover às necessidades de vários géneros de psicólogos, de politólogos (para quem não perceber: indivíduos licenciados em “Ciências Políticas”), da gente, em expansão, que se dedica à misteriosa disciplina de “Relações Internacionais”, a espécies indescritas de sábios com títulos que a lei reconhece e ao pequeno produto das Faculdades de Letras. O PS, o PSD e o CDS constantemente se gabam desta massa e a consideram a sua melhor obra e a maior riqueza do país. Educaram muitos milhares de inocentes para a inutilidade e, mais tarde ou mais cedo, para o desemprego e, agora, esfregam as mãos de orgulho e deleite.
Não passou pela cabeça de ninguém que, de caminho, também estavam a liquidar a universidade. A universidade educa alunos para uma dúzia de profissões de que uma sociedade moderna, como apesar de tudo a nossa, não pode prescindir. Mas fora isso, deve tomar o maior cuidado em admitir disciplinas que se proclamam novas (e que em geral não são coisa nenhuma) e apertar os critérios de admissão para as disciplinas tradicionais, que exigem uma qualidade superior a quem as pratica com alguma justificação. A mistura de curandeiros (as “ciências” que se dizem “humanas”) e de médicos (as ciências “duras”) só prejudica os médicos, baixa os critérios do ensino e desvaloriza os títulos.
A trapalhada que aí anda é um erro e uma vergonha.

O "beijo" do poeta...

... João de Deus.
.
João de Deus
.
Beijo

Beijo na face
Pede-se e dá-se:
              Dá?
Que custa um beijo?
Não tenha pejo:
              Vá! 

Um beijo é culpa,
Que se desculpa:
              Dá?
A borboleta
beija a violeta:
              Vá!

Um beijo é graça,
Que a mais não passa:
              Dá?
Teme que a tente?
É inocente...
              Vá!

Guardo o segredo,
Não tenha medo...
              Vê?
Dê-me um beijinho,
Dê de mansinho,
              Dê!
.
Como ele é doce!
Como ele trouxe
              Flor,
Paz a meu seio!
Saciar-me veio,
             Amor!

Saciar-me? louco...
Um é tão pouco,
             Flor!
Deixa, concede
Que eu mate a sede,
             Amor!

Talvez te leve
O vento em breve,
            Flor!
A vida foge
A vida é hoje
            Amor!

Guardo segredo
Não tenhas medo
            Pois!
Um mais na face,
E a mais não passe!
            Dois...

Oh! Dois? piedade!
Coisas tão boas...
            Vês?
Quantas pessoas
Tem a Trindade?
            Três!...

Três é a conta
Certinha, e justa...
            Vês?
E que te custa?
Não sejas tonta!
            Três!

Três, sim: não cuides
Que te desgraças:
             Vês?
Três são as Graças,
Três as Virtudes;
             Três

As  folhas santas
Que o lírio fecham,
             Vês?
E não o deixam
Manchar, são...quantas?
             Três!

.
João de Deus,
in "Campo de Flores"

19 abril 2014

Não é só nos bolsos de cada um...

... que a erosão se manifesta!!...
.
A falésia arenítica da Praia da Galé está completamente
erodida pelas "águas selvagens" de proveniência pluvial.
Por enquanto, mesmo na maré alta, as ondas ainda não
chegam a base da falésia...

18 abril 2014

Centro Geodésico de Portugal...

...em Vila de Rei.
.
Pintado de novo, o marco geodésico, no Centro Geográfico de Portugal 
até parece outro. (em 08.03.2014)

17 abril 2014

Humor antigo...

in. "Mundo ri", nº74
em Junho de 1957
- Ah!...
- Não... é um "B".