04 fevereiro 2012

Dia Mundial da Luta contra o Cancro...

O Dia Mundial do Cancro, em 4 de fevereiro, é uma oportunidade para chamar a atenção para o crescimento vertiginoso da doença, que em 2030 se deve transformar na principal causa de morte no mundo, ultrapassando as doenças cardiovasculares.
.



O Dia Mundial do Cancro, instituído em 2005 pela União Internacional para o Controle do Cancro (UICC) é celebrado em 4 de fevereiro. A data tem como objetivo chamar a atenção das nações, líderes governamentais, gestores de saúde e do público em geral para o crescimento do cancro, que atingiu proporções catastróficas no mundo, tornando-se uma ameaça às futuras gerações.
.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 12,7 milhões de pessoas são diagnosticadas todo ano com cancro e 7,6 milhões de pessoas morrem vítimas da doença. A expectativa é que, em 2030, sejam 26 milhões de casos novos e 17 milhões de mortes por ano no mundo, sendo que 2/3 das vítimas ocorrerão em países em desenvolvimento.

“O cancro é hoje a segunda principal causa de morte em todo o mundo, atrás das doenças cardiovasculares, com o envelhecimento da população, em 2030 passará a ocupar o primeiro posto”, afirma o oncologista Dr. Ricardo Caponero.
.
Testemunhos (na net)
Dia Mundial da Luta contra o Cancro
"Sou a Alexandra que teve um cancro. Está no meu ADN"
Alexandra Silva tem 32 anos e aos 28 soube que tinha cancro de mama. Depois de uma dupla mastectomia, passou pelo susto de poder ter implantes PIP mas mesmo assim nunca perdeu a esperança. A doença está no seu ADN mas a determinação também. Este é um dos testemunhos de três mulheres com três olhares positivos, na véspera do Dia Mundial da Luta contra o Cancro.
.
Anónima de Silves

só quem passa compreende a nossa atitude e a forma como começamos a encarar o nosso dia a dia a vontade e a necessidade intensa de viver um dia de cada vez, difícil entender para quem não passou por esta fase de vida e cada dia reforço mais esta frase "Sorri sempre mesmo que o Sorriso seja Triste porque mais triste que o Sorriso triste é a tristeza de não saber Sorrir"
.
Anónima de Lisboa

Igualmente me calhou esta doença. Fui operada e graças a Deus e a toda a equipa que me tem tratado tudo correu bem e as perspectivas de não voltar a ter problemas são muito altas. Depois do choque inicial que só quem passa pode avaliar, acho que é uma oportunidade para darmos mais valor a certas questões importantes da vida, e desprezarmos outras. Tem sido também muito importante o afecto da família e amigos. Felizes os que os têm. Desejo muita esperança e força a quem luta contra esta doença e sabedoria e inspiração a todo o quadro científico que a estuda.
.

João Viegas
Aqui mais um, aos 25 anitos tive, 3 operações e depois quimio da forte! Este mês vou fazer 41 :) e, como costumo dizer, renovar o contrato anual... Mudei totalmente, penso que para melhor... Força a todos que passam pelo mau momento e seus familiares, que também é muito difícil para eles.

Sem comentários: