07 outubro 2016

Um "apontamento"...

...de há vinte anos.
.
Lido no "Público" em 27/04/1997
"Hoje, socialmente, o pior é a desigualdade. Desprezar os fracos faz os medíocres julgarem-se fortes".

.
António Barreto, in "Abril"
Retrato da Semana 
no Público
António Barreto
.
E acrescenta:
"Sem brio, sem competências, dependente e marginal, a Assembleia da República foi esbulhada pelo Governo, pela União Europeia, pelas Câmaras, pela imprensa e, dentro de pouco tempo, pelas regiões. Os partidos, os deputados, os governos e os presidentes, com a ajuda dos eleitores e dos jornalistas, não souberam fazer um parlamento que merecesse o nome. Portugal não tem um parlamento, mas tão só um senado de passatempo".
.
António Barreto, in "Abril"
Retrato da Semana 
no Público

Este último texto parece ser, da parte de António Barreto, um último argumento utilizado no sentido de lembrar aos deputados que as Regiões não devem ser aprovadas, sob pena de o seu papel ficar ainda mais insignificante...

Escrito logo a seguir ao que primeiro se assinala, este texto mostra bem o que vale, actualmente, a nossa "Casa de S.Bento"!!...

Sem comentários: