19 setembro 2016

São quadras, meu bem... são quadras!...

.
“Como um verso de Bolero”
Como uma noite perdida..
Penso em ti e logo quero
Vogar, vago, em tua vida...

.
No "Cantinho dos Boleros"

Sem comentários: