29 junho 2017

Incendiários!...

Num artigo publicado na passada 3ªfeira
no jornal i, com o título
"Incendiários!... E um Senhor!"
Mário Cordeiro deixou-nos um artigo muito interessante...
. 
Mário Cordeiro
Pediatra
.
O Senhor, a que se refere o autor, é Eduardo Lourenço, mas não é dele que vamos falar aqui.
Aqui vamos mencionar apenas o "incendiário"... o sindicalista Mário Nogueira, de quem não sei se já teria dado alguma aula, em toda a sua vida...
.
Mário Nogueira
o sindicalista da Fenprof
.
(...)
Todavia, hoje quero falar de dois outros tipos de incendiários: o "querido lider" Mário Nogueira, sempre com o seu ar seráfico e detentor da verdade, e que não passa, na minha humilde opinIão (disclamer para não me processar, etc., mas processe se quiser), de um "idiota chapado" - com aspas, senhor professor, mas idiota na mesma... Se nada conseguiu nestes anos, demita-se e dê o lugar a outros. Se já conseguiu alguma coisa, ainda bem e demita-se, para dar lugar a outros. Mas saia. Vá embora. Tantos pedidos de demissão de políticos e um homem que representa meia dúzia (quantos, senhor professor, quantos votam nas eleições da Fenprof?) não é corrido por incompetência e minimalismo?
Ainda por cima, quando a greve mais oportunista da história surgiu no dia em que "malta, a minha s'tora explicadora, malta, que até é comuna, malta", revelou o teste de Português do 12ºAno a uma aluna que-- e muito bem -- o veiculou aos amigos. Uma coisa era, em 1970, quando aconteceu algo similar, estarmos em ditadura e a Rádio Argel coordenada pelo grande Manuel Alegre, ter tido a coragem de colocar o caso no sistema, mesmo à custa dos alunos do então 9ºano (o meu ano!). Agora vivemos em democracia, mesmo que para alguns sindicatos isso não seja ainda óbvio -- sindicatos corporativistas e oportunistas e que têm uma benção e uma indulgência dos meios de comunicação que não consigo entender. Medo? Espero que não, "ó quarto poder"...
Até hoje, não vi o senhor professor Mário Nojeira -- desculpem, êrro ortográfico..., Mário Nogueira, dizer alguma coisa sobre o assunto da fraude no exame... ele, que tão pressuroso é a comentar tudo e tudo, competindo com a Avoila raris deste país.
Li que deseja voltar a ser professor -- força camarada Mário, estamos na luta, pá, apesar de eu estar no século xxi e o querido lider ainda no século xx, com o pensamento no século xix... Mas, acredita, o povo amigo está contigo. Desaparece dos ecrãs e volta a dar aulas... eu juro que "rezarei três avé-marias pela malta, apesar de ser agnóstico, porque os teus alunos, sim, vão precisar de muito copianço e de muitas dicas -- como diriam os psicanalistas, é a  minha fantasia -- porque imaginar-te professor dá-me gargalhadas entre calafrios...bom, ao menos que os alunos tenham estudado Alberto Caeiro e a solidão dos vizinhos... melhor do que nada!
.

Sem comentários: