04 janeiro 2017

Escrito na pedra...

In. “Público”
03.01.2017
.
"A pátria não é a entidade pela qual valerá a pena morer, mas pela qual vale a pena viver - pelos, filhos, pelos netos, nossos e dos outros."
.
Ramalho Eanes
1935- 
Antigo Presidente da República

Sem comentários: