22 maio 2014

Um século antes de Copérnico...

Ciência moderna nasceu com os Descobrimentos portugueses, antes de Copérnico e Galileu

A Universidade do Porto anunciou, há dias, que o investigador Walter Alvarez, que confirmou a teoria da extinção dos dinossauros devido ao impacto de um asteróide no planeta Terra, participa na quinta-feira numa conferência, na Fundação de Serralves.

Walter Alvarez
.
Nesta visita a Portugal, a convite do Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos (CIBIO) da Universidade do Porto, em parceria com a Fundação de Serralves, Walter Alvarez irá explorar dois aspectos da relação histórica de Portugal com os continentes e os oceanos, que tiveram lugar a escalas temporais distintas.
No encontro, apresentar-se-á uma nova perspectiva, desenvolvida em colaboração com o historiador de ciência Henrique Leitão, sobre as fronteiras que separam os continentes dos oceanos traçadas pelos portugueses. Esta defende que "as viagens de exploração empreendidas pelos portugueses foram a primeira manifestação do que se veio a definir como ciência moderna, podendo, assim, admitir que os portugueses inventaram a ciência, e que a primeira ciência moderna foi a geologia, um século antes de Copérnico.
.
(in."Público" - 22.05.2014)

Sem comentários: