15 dezembro 2016

São quadras, meu bem... são quadras!...

"Como um verso de bolero..."
.
Não armes em distraída
"Escuta", amor, esta canção...
Há sempre "Acordes que choram"
Dentro do meu coração...
.       
Boleros da autoria de Ivan Curi e Othon Russo 
cantados por Angela Maria

Sem comentários: