20 agosto 2014

Sinais do Fluir...

...é o título do mais recente livro de
       Poemas do António Salvado.
.
António Salvado
.
Numa Edição do Autor
impressa em Castelo Branco - 2014
.
Enriquecida como sempre com a dedicatória
de um Amigo para um Amigo.
Recebi ontem, António.
Agradeço-te hoje...
.
...desta vez não demorei muito tempo.
.
Para publicar aqui, e agora, escolhi um "poema ao acaso"... aquele a que deste o nome de "Aguardarás". 
Não tanto ao acaso como poderás pensar! Nesta minha "segunda terra", também começa agora a época das vindimas...
.

"Aguardarás..."
.
Aguardarás o tempo da vindima:
que as uvas sofram como bem-fazeja
dádiva férvida: o calor dos enlevos
que aproximar vai o verão do fim.
.
E só depois as poderás colher,
e só depois tu poderás  fremindo
esmagá-las sem dor  com a leveza
com que se beija um corpo em cio unindo-se.
.
Aguarda pois. E faz da tua espera
a certeza insuspeita de que um dia
há-de num copo rutilar o vinho -
.
e nos teus dedos  em papel modesto
fulgirá o misterio da vindima
transformada nos versos que nutriste.
.
António Salvado
Castelo Branco/2014
.
Vai um abraço com o desejo de receber mais livros teus nos próximos anos!...

Sem comentários: